• sabores-receita-café-gelado-preço-cardápio-morango-como-fazer-caramelo
    Receitas e Dicas

    Frappuccino de Chocolate Starbucks: Como Fazer Receita em Casa!

    Considerado um dos melhores frappuccinos do Starbucks, hoje vamos te ensinar a como fazer a bebida sabor chocolate no conforto da sua casa.

    Assim você pode matar sua vontade quando não quiser gastar dinheiro e, melhor ainda, fazer em quantidades muito maiores e também servir os convidados.

    O que é Frappuccino de Chocolate do Starbucks?

    O Frappuccino de chocolate da Starbucks é uma bebida fria que leva gelo, leite – vegetal ou de vaca – e chocolate, finalizado com chantilly e calda também de chocolate.

    Algumas pessoas ainda adicionam café para deixar o drink mais energético.

    E não ache que é um bicho de sete cabeças fazer esse drink, pelo contrário. É algo fácil, não gera muito gasto e é igualmente delicioso.

    2 Receitas Simples para Fazer em Casa:

    Receita #1

    Essa receita rende dois copos de Frappuccino.

    Ingredientes:

    Você vai precisar de:

    • 200 gramas de chocolate ao leite em barras;
    • ½ litro de leite integral gelado – ou outro de sua preferência;
    • Duas colheres de sopa de cacau em pó ou chocolate;
    • Duas xícaras de café espresso – totalmente opcional;
    • Gelo a gosto;
    • Açúcar a gosto;
    • Calda de chocolate – aquelas de sorvete;
    • Chantilly pronto.

    Como Fazer o Passo a Passo:

    Caso você deseje incluir o café na sua receita, faça cubinhos de gelo com a bebida e coloque no freezer por duas a quatro horas. Caso não queira, é só pular essa etapa.

    Agora, pique ou raspe a barra de chocolate. Coloque essas raspas no liquidificador junto com o cacau em pó, o leite e, se for o caso, os cubos de gelo de café.

    Bata até você perceber que não resta nenhum pedaço ou lasca de chocolate.

    Se possível, faça o drink com leite gelado e integral, assim você não precisa esperar gelar depois de preparar e o leite integral deixa a bebida com uma consistência mais cremosa.

    Prove antes de adicionar o açúcar – provavelmente nem vai precisar. Caso opte por colocar, bata a bebida mais um pouco até ela incorporar o ingrediente.

    Pronto, agora é só dividir em dois copos – vai render cerca de 300 ml, cada – e vir com o chantilly e a calda de chocolate. Finalize com gelo comum a gosto.

    Receita #2

    Ingredientes:

    • 350 mililitros de café frio;
    • 90 gramas de leite condensado;
    • 200 mililitros de leite;
    • 40 gramas de chocolate;
    • Uma colher de chá de extrato de baunilha;
    • Cacau em pó;
    • Gelo a gosto.

    Como Fazer Passo a Passo:

    Coloque no liquidificador o leite condensado, o café e o leite. Em seguida, adicione o extrato de baunilha, o chocolate derretido e o gelo.

    Bata a mistura até que ela ganhe uma textura homogênea.

    A melhor opção é servir em um copo de milkshake. Sirva a bebida e cubra com chantilly a gosto. Finalize polvilhando o topo com o chocolate ou cacau em pó.

    Você pode decorar o interior do copo com leite condensado ou calda de chocolate.

    Conclusão

    Pronto, agora você pode fazer o Frappuccino de chocolate em casa e se refrescar com essa delícia. Sem falar que pode tirar onda de barista com os convidados, fazendo em casa.

    Referências:

    https://www.swankyrecipes.com

    https://pamsdailydish.com

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • e-bom-como-fazer-composição-380g-ingredientes-mercado-livre-para-que-serve-promoção
    Curiosidades

    SuperCoffee Vanilla Latte: É bom? Resenha e Review Completa!

    Supercoffee de vanilla Latte. E aí, será que é bom? Com certeza, vamos te responder o porquê logo a seguir.

    O que é o SuperCoffee Vanilla Latte?

    Essa é uma bebida à base de café e outros ingredientes naturais que te proporciona energia e disposição, seja para as tarefas do dia a dia, seja para treinar.

    Como fazer o SuperCoffee Vanilla Latte?

    Basta adicionar uma dose, cerca de 10 gramas, em 100 ml de água quente ou fria. Pronto, é só tomar.

    Para que serve o SuperCoffee Vanilla latte?

    Para várias coisas, na verdade. Por ser uma bebida energética te dando força para executar as coisas mais simples do seu dia, até treinos mais pesados.

    É também um bebida com efeito nootrópico, ou seja, te dá mais mais foco, além de ajudar na memória e na concentração. De forma geral, o supercoffee é excelente para quem quer fortalecer a performance cognitiva.

    Além, é claro, de te ajudar na perda de peso.

    Quais os ingredientes do SuperCoffee Vanilla Latte?

    Os ingredientes do SuperCoffee Vanilla Latte são:

    • TCM (Triglicerídeos de cadeia média);
    • Café;
    • Taurina;
    • Gengibre;
    • Chá verde;
    • Colina;
    • Vitaminas do Complexo B;
    • L-carnitina;
    • Canela;
    • Stevia;
    • Pimenta e outros termogênicos naturais.

    Qual é a Tabela Nutricional do sabor Vanilla Latte da Caffeine Army?

    DescriçãoQuantidade por porção – Uma porção equivale a 10 gramasValor diário recomendado
    Valor Energético57 calorias2%
    Proteínas1 grama1%
    Carboidratos2 gramas1%
    Gorduras Saturadas3 gramas14%
    Gorduras Totais5 gramas9 %
    Gordura Trans0 gramasValor diário não estabelecido
    Sódio16 miligramas1%
    Fibra alimentar1 grama4%
    Cafeína93 miligramasValor diário não estabelecido
    Taurina650 miligramasValor diário não estabelecido
    Carnitina130 miligramasValor diário não estabelecido
    Colina84 miligramas15%
    Vitamina B10,4 miligramas33%
    Vitamina B33,0 miligramas19%
    Vitamina B52,0 miligramas40%
    Vitamina B60,5 miligramas38%
    Vitamina B933 microgramas14%
    Vitamina B121 microgramas42%
    Cromo12 microgramas34%

    Quantas calorias tem uma porção / dose da bebida?

    Uma porção do SuperCoffee de Vanilla Latte tem apenas 57 calorias. Isso para uma dosagem de 10 gramas.

    Um sachê tem a mesma quantidade de calorias que um pote de 220 gramas, pois a porção é a mesma.

    Qual o preço do SuperCoffee Vanilla latte 380g, To Go e Economic Size?

    Um pote do suplemento sabor Vanilla Latte tem o preço em torno de R$87,60, com 14 doses. Isso para o To Go.

    O valor do Vanilla Latte com 220 gramas é de R$99,96.

    Já o Economic Size, 380 gramas, custa em torno de R$170,73, o que equivale a 38 doses.

    Onde Comprar o SuperCoffee Vanilla latte?

    Você pode comprar o SuperCoffee Vanilla Latte nestes sites:

    Caso compre outros portais além dos que indiquei aqui, não esqueça de pesquisar a loja antes de finalizar a compra. Isso evita possíveis golpes.

    Conclusão da Resenha do SuperCoffee Vanilla latte: é bom?

    O Super Coffee Vanilla Latte é bom sim! Cheio de benefícios, ele te ajuda a perder peso com 11 ingredientes naturais.

    Um ponto muito legal é que mesmo tendo café, ele te dá mais energia e concentração sem crises de ansiedade e agitação, como acontece quando você toma uma xícara de café comum.

    Ele ainda conta com vários formatos, inclusive em barrinhas, para você ingerir do jeito que quiser.

    Agora que você já sabe que é bom e super gostoso, está esperando o que para incluí-lo na sua rotina?

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • para-cabelo-que-serve-onde-comprar-para-pele-essencial-natu-hair
    Curiosidades

    Óleo de Café Verde: Para Que Serve e Como Usar!

    Com certeza você já deve ter ouvido falar do café verde, mas você conhece o óleo retirado desse fruto? Assim como o suplemento alimentar, o óleo de café traz vários benefícios para a nossa saúde.

    Te mostraremos quais e como usá-lo, logo a seguir.

    O que é Óleo de Café Verde?

    Como já dá para entender, o óleo de café verde advém do fruto de mesmo nome. Para conseguir essa substância, o grão deve passar por prensagem a frio. Mas logo após isso ele já está pronto para uso.

    Assim como o próprio grão verde, o óleo deste possui diversas propriedades benéficas para a saúde.

    Serve para Quê?

    Ele tem várias utilidades. Pode ser usado como uma ferramenta para estimular a produção de serotonina, elemento responsável pela sensação de bem-estar, aliviando sintomas da depressão e da ansiedade.

    E é igualmente um regulador de níveis de glicose e um poderoso termogênico.

    Quais os Benefícios do óleo de café verde?

    Para a pele:

    Sim, o óleo possui benefícios para a nossa pele. O grão está repleto de antioxidantes e vitamina E, que combatem os radicais livres presentes no nosso organismo.

    Na prática, isso quer dizer que o óleo ajuda a reduzir os sinais de envelhecimento, o que inclui manchas na pele e linhas de expressão.

    A cafeína, por exemplo – presente nesse item -, melhora a circulação de sangue, sendo eficiente em tratamentos contra a tão temida celulite.

    Outro traço do óleo de café verde é que o item é, naturalmente, um poderoso hidratante, tornando este produto uma poderosa ferramenta contra rachaduras ou pele muito seca. Está liberado tanto para o corpo, quanto para os lábios.

    Por fim, mas não menos importante, o óleo tem ação anti-inflamatória, sendo perfeito para combater psoríase e dermatite, além de tonificar e deixar a pele muito mais firme.

    Para os cabelos:

    Dentre os muitos benefícios do óleo de café verde para o cabelo, entre eles está o fato da substância ajudar no crescimento dos fios, além de combater a queda deste.

    Por essa característica, é um ingrediente indicado para quem quer combater a calvície.

    Possui, ainda, ação hidratante, além de dar força e brilho para os cabelos. Inclusive ele é muito recomendado para quem tem o hábito de usar secador e chapinha, pois restaura os fios quebradiços e danificados.

    Também pode ser utilizado por quem realiza procedimentos químicos no cabelo, como descoloração e alisamento.

    Quais são as contraindicações do óleo de café verde?

    Apesar de ser um produto natural, este óleo tem sim alguns efeitos colaterais.

    Caso vá usá-lo na pele, evite regiões onde costuma aparecer espinhas e acne, como costas e rosto. O mesmo vale para os locais com bastante oleosidade.

    Essa regra também se aplica para quem já tem cabelo oleoso ou sofre de dermatite seborreica e caspas.

    Se for consumir, fique atento pois o óleo pode causar crises de ansiedade, agitação e insônia – por conta da cafeína -, além de dores de cabeça e diarreia.

    Mulheres grávidas, amamentando, crianças, pessoas com hipertensão, gastrite, disfunções hepáticas e hipertireoidismo devem evitar igualmente o consumo do óleo, a não ser que este tenha sido indicado pelo médico.

    Onde Comprar?

    Na internet ou em casas que comercializam produtos naturais é bem fácil de encontrar.

    Abaixo alguns links para compra:

    Mercado Livre.

    Droga Raia.

    Conclusão:

    E você, já conhecia o óleo de café verde?

    Caso contrário, agora que conhece, está na hora de incluí-lo na sua rotina. Benéficos é que não faltam para isso!

    Referências:

    https://www.natureinbottle.com/product/green_coffee_oil

    https://cocojojo.com/benefits-of-green-coffee-oil/

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • emagrece-em-quanto-tempo-mesmo-funciona-antes-e-depois-como-tomar-para-que-serve-tomar-depois-refeições-quantas-capsulas
    Curiosidades

    Café Verde Hinode: Como Tomar Para Emagrecer!

    Provavelmente você não só já conhece o café verde, como deve saber que a Hinode trabalha com esse suplemento alimentar. A dúvida que fica, então, é por conta dos resultados e agora vamos contar a você tudo a respeito!

    Afinal de contas, emagrece ou não? A resposta é sim e vamos te explicar o porquê.

    O que é o Café Verde Hinode em cápsulas?

    Ele é um suplemento feito com esse grão. Esse elemento está repleto de cafeína – o dobro presente no café torrado -, assim como substâncias antioxidantes. Ambos os elementos trazem diversos benefícios para o nosso corpo e nossa saúde, inclusive a perda de peso.

    Para quê serve?

    Para várias coisas. Você pode usar para perder peso, para regular a pressão sanguínea e os níveis de glicose no organismo e até para absorver parte da gordura presente nos alimentos que consumimos. É só escolher!

    Quais os benefícios?

    Para a perda de peso, os benefícios são:

    • Regula os níveis de glicose absorvida pelo corpo;
    • Tem ação termogênica – acelera o metabolismo;
    • Ajuda a absorver parte da gordura presente nos alimentos;
    • Queima a gordura;
    • Não contém glúten.

    Como Tomar o Café Verde Hinode?

    O recomendado é tomar quatro cápsulas por dia, sendo duas pela manhã e duas à tarde, sempre antes das 16 horas. É bom evitar tomar muito próximo do fim da tarde pois como tem altos níveis de cafeína, pode interferir no sono, causando insônia.

    Tomar antes ou depois das refeições?

    Antes das refeições. Já que o suplemento tem o poder de absorver parte da gordura presente nos alimentos que consumimos.

    Tome 20 minutos antes de cada refeição.

    Café Verde Hinode Emagrece Quantos Quilos?

    Isso vai variar de pessoa para pessoa, mas é possível emagrecer até seis quilos em dois meses.

    Funciona mesmo?

    Sim, funciona! Principalmente por conta da cafeína, que é um termogênico e é responsável pelo aceleramento do organismo, queimando gordura mais rápido mesmo estando em repouso.

    O resultado disso é a perda de peso.

    Quais os efeitos colaterais?

    Por conta da cafeína, o café verde pode causar crises de ansiedade, agitação e insônia, então deve ser evitado por pessoas que já sofram dessas condições.

    Quais são as contraindicações?

    Não é indicado para pessoas que tenham ansiedade ou insônia, assim como crianças, mulheres grávidas ou que estejam amamentando e pessoas com doenças gastrointestinais.

    Onde Comprar Café Verde Hinode?

    Você pode comprar seu café verde na Hinode no próprio site da empresa, logo abaixo.

    Site da Hinode.

    Mas ele também está disponível em lojas online, como Amazon e Mercado Livre.

    Mercado Livre.

    Amazon.

    Qual o preço? Quanto custa?

    Os valores variam dependendo do local de compra.

    No site da Hinode o pote com 120 cápsulas custa R$74,90. Já no Mercado Livre você encontra sendo vendido por até R$54,50 mas cuidado com os golpes.

    Conclusão:

    Se você está pensando em tomar o café verde da Hinode para emagrecer, pode ir sem medo. Ele não só funciona, como traz diversos outros benefícios para a saúde.

    Referências:

    https://www.thekeratinstore.com/products/brazilian-natural-green-coffee-capsules-hinode?lang=fr

    https://www.supermarketbrazil.com/products/brazilian-natural-green-coffee-capsules-hinode

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • preços-copo-brasil-menu-recife-goiania-bh-produtos-loja-online
    Curiosidades

    Starbucks: No Brasil, História e Logo!

    Mesmo nunca tendo pisado dentro de um Starbucks, com certeza você conhece ou já ouviu falar da cafeteria, não é mesmo?

    Podemos dizer, sem sermos exagerados, que atualmente a companhia é uma das cafeterias mais famosas do mundo.

    Especialistas acreditam, inclusive, que a marca está bem próxima de chegar ao nível da Coca-Cola no quesito fama.

    O que é Café Starbucks?

    A Starbucks – se é que existe alguém nesse mundo que não saiba o que é – é uma empresa produtora de café. Na verdade, a companhia é mais que um negócio físico, é uma marca.

    Além dos cafés, atualmente a cafeteria vende os grãos usados pela casa na confecção das bebidas, seja em fruto, moído ou em cápsulas, assim como canecas, camisetas, bonés, e muitos outros produtos.

    Significado e Tradução

    A origem do nome Starbucks tem duas fontes. A primeira é que a nomenclatura foi uma homenagem a personagem Starbuck, do livro Moby Dick. Mas parte da inspiração também veio de um campo de mineração chamado Starbo, que fica no Monte Rainier.

    Na época que os fundadores estavam pensando em nomes, uma pessoa – não se sabe quem – mostrou o mapa das minas a Gordon Bower, que assim que viu o nome da cidade lembrou da personagem.

    Nessa mesma época, Terry Heckler, amigo e sócio de Bower, disse que as palavras que começam com St tinham um certo poder. A partir disso eles começaram uma lista com estas duas iniciais.

    A marca quase ganhou o título de Pequod, que era o nome do barco presente no romance. A sugestão foi dada por Gordon, mas Terry logo eliminou a ideia pois a palavra tem som de pee, que é uma gíria para urina, em inglês.

    Terry disse que ninguém tomaria uma dose de “pee-quod”.

    Logo (Logomarca / Logotipo) e Símbolo:

    O logo da Starbucks permanece o mesmo desde o começo: um entalhe escandinavo de uma sereia, mas que ganhou algumas modificações com o passar dos anos.

    Em sua primeira versão, essa personagem mitológica aparecia com suas caudas e seios totalmente visíveis no logo.

    Tempos depois, as mamas foram cobertas com o cabelo da sereia, mas seu umbigo ainda era visível. Parte da cauda também foi retirada.

    Na versão mais atual o que vemos é a seção final das causas da sereia, com seios e umbigos eliminados totalmente.

    Ainda é possível ver o logo original na primeira loja da Starbucks, lá no mercado Pike Place.

    Ele também aparece nas embalagens de café de aniversário da marca.

    Qual a História do Starbucks? Origem:

    A história da Starbucks começa numa região portuária de Seattle, em 1971. Foi neste ano que a cafeteria nasceu, sendo essa a primeira loja, de muitas, da marca estadunidense.

    Essa primeira sede ficava localizada dentro do Pike Place, um mercado público. A ideia de abrir uma cafeteria veio de três mentes, os sócios fundadores da marca: os professores Jerry Baldwin e Zev Siegel, e do escritor Gordon Bowker.

    Juntando a paixão pelo café e a inspiração que tiveram com a cafeteria Peet ‘s Coffee & Tea, eles abrem a primeira loja da Starbucks.

    No começo, ao contrário do que se possa imaginar, a empresa vendia grãos de café e não bebidas. Estes eram mais fortes, escuros e encorpados. Não demorou muito para ganhar fama e ser considerado “um dos cafés mais finos do mundo”.

    Pouco mais de 10 anos depois da abertura da primeira loja, em 1982, Howard Schultz, diretor de uma empresa na Suécia, assume o cargo de diretor de operações e marketing da marca.

    E o empresário já chegou propondo uma nova forma de negócio para os três sócios: não ser apenas uma marca que vende grãos de café. A sua ideia era tornar a Starbucks uma cafetaria que serve os próprios cafés, eliminando o processo de fazer a bebida em casa.

    Howard se inspirou nos bares de café espresso que abriam na Itália. Achando uma ótima ideia, decidiu que esse seria um bom modelo para trazer aos Estados Unidos.

    E é aí que a reviravolta acontece. A sugestão do diretor de marketing foi totalmente negada pelos fundadores, estes diziam que esse modelo ia totalmente contra os objetivos da marca.

    Com isso, o empresário abriu sua própria cafeteria, que na época se chamava bar de café. Chamada de II Gionale, esta ficava localizada dentro do maior prédio em Seattle.

    O modelo de negócio deu tão certo que Howard não só comprou seis lojas da Starbucks um tempo depois, como acabou virando dono da marca.

    Após a compra, lojas da companhia se espalharam pelo país, vendendo tanto os grãos de café quanto bebidas.

    Quem é o dono da Starbucks?

    Dá para dizer que o dono “oficial” continua sendo Howard Schultz, mas na bolsa de valores a companhia é registrada com vários proprietários.

    Por exemplo, no Brasil, esse cargo pertence a Kenneth Pope. Apesar disso, a Starbucks não é uma franquia.

    Quais as Bebidas / Drinks do Starbucks?

    A Starbucks oferece uma variedade enorme de bebidas, de todos os sabores e tamanhos. São elas:

    Chás

    • Verde;
    • Verde Latte;
    • Chai;
    • Preto;
    • Preto gelado com limonada;
    • Verde com blueberry;
    • Verde gelado com limonada;
    • Verde com blueberry e limonada;
    • Preto com blueberry;
    • Preto com limonada e blueberry;
    • Chai Latte;
    • Chai gelado com limonada.

    Todas as opções são servidas quentes ou geladas.

    Cafés e Chocolates

    • Café mocha branco;
    • Iced triplo brigadeiro latte;
    • Café Latte;
    • Chocolate branco gelado;
    • Caramelo Macchiato;
    • Doce de leite Latte;
    • Chocolate clássico;
    • Café mocha;
    • Flat White;
    • Café filtrado;
    • Baunilha Latte;
    • Café com leite;
    • Iced café com leite;
    • Chocomenta mocha;
    • Brigadeiro latte;
    • Café americano;
    • Iced Chocomenta mocha.

    Frappuccinos

    • Frappuccino de caramelo;
    • Com chá verde;
    • De baunilha;
    • Mocha/mocha branco;
    • Choco chip;
    • De café;
    • De chocolate;
    • De chocolate branco;
    • Super morango;
    • Chocomenta;
    • Brigadeiro;
    • Doce de leite;
    • Maracujá.

    Outras bebidas

    • Suco de laranja;
    • Pink drink;
    • Água;
    • Violet drink;
    • Suco Detox;
    • Refresher de limão, pitaia, morango, frutas vermelhas ou pitaia com limonada;
    • Suco de laranja com mamão ou com beterraba e cenoura.

    Tamanhos

    • Demi (89 ml);
    • Short (240 ml);
    • Tall (354 ml);
    • Grande (473 ml);
    • Venti (591 ml);
    • Trenta (916 ml);

    Como fazer um pedido no Starbucks?

    Não tem segredo. Você escolhe a sua bebida, depois se quer a versão gelada ou quente e o tamanho do seu copo. A pessoa pega o seu nome e quando estiver pronto, te chamam pelo nome escrito no recipiente.

    Quais as Comidas do Starbucks?

    Doces

    • Muffin de chocolate ou blueberry;
    • Brownie espresso;
    • Ring Donuts de chocolate, chocoberry ou doce de leite;
    • Cookie de baunilha ou de chocolate com gotas de chocolate;
    • Bolo red Velvet, cenoura ou banana;
    • Bolo triplo de brigadeiro;
    • Pão de mel;
    • Bananinha;
    • Caramel stroopwafel.

    Salgados

    • Pão de queijo tradicional ou multigrãos;
    • Torrada Petrópolis;
    • Toast de peito de peru e mussarela ou presunto e mussarela;
    • Croissant de frango ou multigrãos;
    • Mini pão de queijo;
    • Coxinha de frango;
    • Croque Monsieur.

    Produtos / Starbucks em Casa (at home):

    Starbucks Cápsulas

    Abaixo listaremos as opções de cápsulas da empresa divididas por categorias.

    Cápsulas Starbucks Nespresso

    House Blend By Nespresso

    O House blend traz um equilíbrio perfeito entre corpo, sabor e aroma, com notas de cacau e castanhas que se potencializam durante a torra.

    Single-Origin Colombia By Nespresso

    Equilibrado e com uma ótima complexidade, é um café com notas florais e de nozes.

    Caffè Verona

    O café Verona é uma bebida rica, equilibrada e com aroma de cacau amargo.

    Espresso Roast

    Esse espresso roast é a base do latte vendido na cafeteria. É um grão intenso, com doçura de caramelo.

    Cápsulas Starbucks Nescafé Dolce Gusto

    Blonde Espresso Roast by Nescafé Dolce Gusto

    Espresso suave, esse blend da Starbucks traz uma mistura de grãos cultivados na América Latina. Os grãos passam por um torra que o faz ganhar notas vibrantes e doces.

    Bebida equilibrada e sedosa, quando misturada com leite destaca a doçura natural deste café. O resultado é um espresso sem o amargor característico dessa extração.

    Cappuccino By Nescafé Dolce Gusto

    A sua chance de levar para casa o Cappuccino cremoso e suave vendido nas lojas da Starbucks, com a praticidade oferecida pelas cafeteiras da Dolce Gusto.

    Latte Macchiato

    A cápsula foi inspirada no Latte Macchiato vendido nas lojas da companhia. Uma bebida cremosa e aveludada, do jeito que você já conhece.

    Caramel Macchiato

    Bebida muito rica, com notas de caramelo.

    House Blend

    Mesma coisa da versão vendida para cafeteiras Nespresso.

    Espresso Roast

    Preparado de forma artesanal, é uma cápsula de sabor intenso e doçura de caramelo.

    Café Moído

    Conheça as opções dos cafés moídos.

    Caffè Verona

    Grão adocicado e tostado, tem sabor de chocolate amargo.

    House Blend

    Com torra marrom escura, tem aroma de castanhas e cacau, além de uma doçura natural advinda da torra. Com notas de caramelo, foi o primeiro blend criado pela marca, em 1971.

    Pike Place Roast

    Também com grãos da América Latina, o Pike Place tem sabor de chocolate e castanhas tostadas e uma textura cremosa.

    Copos Starbucks

    Como dito, a Starbucks é, hoje, mais que uma cafeteria, é uma marca. Além de poder ter os cafés da companhia em casa você também pode ter seu copo personalizado.

    Tem opção reutilizável – térmico -, de plástico, para viagem, com canudo, que remete a grandes ícones da cultura pop, como um copo do Star Wars, um com uma pata de gato interna e até da Sakura (folhas de cerejeira).

    Uma cena inusitada que aconteceu nas gravações de Game of Thrones é que um copo da franquia acabou aparecendo em um episódio e isso rendeu um “boom” ainda maior na popularidade tanto da marca quanto da série. Chegaram a cogitar uma parceria, mas até hoje não tivemos produtos licenciados.

    Porta Copos

    Para quem adora copos vai adorar as opções da marca. Tem o logotipo na cor original ou rosa, escrito Coffee lovers e com um pug estampado no acessório.

    Canecas

    Assim como os copos, as canecas também são personalizadas com estampas do Rei Leão, Baby Yoda, Breaking Bad e muitos outros ícones.

    Xícaras

    Além das personalizadas, existe uma versão transparente e belíssima, que na verdade é uma caneca para água, mas quem se importa com isso, não é mesmo?

    Garrafa Térmica

    Se você não fica sem café aonde quer que vá, as garrafas térmicas da Starbucks são uma boa opção. Além de térmicas, são feitas de aço inox, com várias estampas e cores.

    Kits Starbucks Sachê / Café Instantâneo

    Mais uma opção para quem gosta de levar café para todos os lugares, em conjunto com a praticidade oferecida pelos sachês.

    Kits de Café Solúvel

    Medium Roast + Dark Roast

    Para quem gosta de praticidade é a opção perfeita. É só adicionar a quantidade dentro do sachê na xícara e depois colocar a água fervente. Fácil e prático.

    Ambas as opções são feitas com grãos da América Latina, sendo o medium com uma torra suave e o dark com uma torra mais escura.

    Starbucks No Brasil

    Apesar de ter começado nos anos 70, os brasileiros só foram agraciados com uma loja da empresa mais de 30 anos depois da sua criação.

    A primeira loja chegou em terras tupiniquins em 2006, sendo aberta dentro da livraria Saraiva, no shopping Morumbi. Alguns dias depois, outra unidade foi inaugurada no mesmo shopping.

    É claro que, vindo para um país tropical e bem diferente de Seattle, a marca fez algumas adaptações para agradar o público brasileiro, incluindo no cardápio pão de queijo, muffin salgado e blends de cafés brasileiros.

    Atualmente, a Starbucks tem 70 lojas no Brasil e mais de 20.500 unidades em 65 países.

    Drive Thru

    Com lojas espalhadas por todo o Brasil, a Starbucks chegou com mais uma inovação esse ano: um drive thru de café. Localizada na rodovia Dutra, a sede ainda tem um espaço de 303 metros quadrados para quem quer sair do carro e dar uma esticada nas pernas.

    Delivery e Entregas:

    Quer tomar café em casa? Não tem problema, a Starbucks entrega seus produtos na sua residência.

    Por enquanto esse serviço só está disponível na modalidade delivery pelo Rappi, mas você pode usar a modalidade de entrega pelo 99 e UberEats.

    Perguntas Frequentes?

    O Que Vende no Starbucks?

    Se você nunca entrou em uma loja da empresa, dúvidas podem surgir sobre o que a cafeteria vende.

    Bom, além das várias opções de bebidas quentes e geladas, você encontra os cafés em formato de grãos ou moídos, comidas rápidas como um croissant, pão de queijo, brownies doces ou salgados, assim como copos, garrafas, e tudo mais relacionado a marca.

    O que pedir no Starbucks?

    Isso vai da sua escolha pessoal. A cafeteria trabalha com opções mais clássicas, como café, chocolate e Cappuccino, até bebidas geladas de frutas vermelhas.

    Quanto Custa um Starbucks?

    Depende, os preços começam a partir de R$4,50. Mas a média de cafés, por exemplo, gira em torno de R$11,00 a R$16,00.

    Como pedir café no Starbucks?

    Basta escolher sua bebida – toda loja tem um quadro com as opções e o tamanho, se vai ser quente ou gelado e pronto.

    A companhia ainda tem um balcão com açúcar, chocolate, canela e outros itens para você complementar sua bebida.

    Livros Sobre a Starbucks:

    Para você que quer conhecer mais sobre a história da Starbucks, estão disponíveis dois livros:

    – Dedique-se de Coração: A História de como a Starbucks se tornou uma grande empresa de xícara em xícara na Magazine Luiza.

    – Liderando ao Estilo Starbucks no Shoptime.

    E dois desses livros foram escritos pelo próprio Howard Schultz.

    Conclusão

    Não sei você, mas ficamos morrendo de vontade de tomar um Starbucks agora. Parece que a ideia de colocar uma sereia no logo da marca deu muito certo, pois é impossível resistir ao charme – e ao café – da companhia.

    Referência:

    https://www.forbes.com/companies/starbucks/?sh=2b93698128ac

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • para-que-serve-pele-glucomanano-konjac-manipulado-emagrece-onde-comprar-hinode-600mg-starbucks
    Curiosidades

    Extrato de Café Verde: O que É e Para Que Serve?

    O extrato de café verde vem ganhando fama nos últimos tempos, e não é para menos, já que traz vários benefícios para a nossa saúde.

    O que é o extrato de café verde?

    O extrato de café verde é feito com o fruto desse grão, mas ele tem algumas diferenças quando comparado com aquele que consumimos todas as manhãs.

    A principal e mais importante delas é que ele não passa pelo processo de torrefação. O grão é colhido normalmente, mas depois da colheita ele fica armazenado por um longo período em um recipiente vedado.

    Por conta disso, o café verde não é tão aromático quanto os comuns. Outra característica desse processo é que seu gosto é muito mais amargo.

    Por não ser torrado, ele preserva, em grandes quantidades, diversos nutrientes benéficos e que permanecem mesmo depois dele virar extrato de café verde.

    Tem cafeína?

    Sim, inclusive uma das substâncias conservadas nele pela não torrefação é justamente a cafeína. No extrato de café verde ela está presente em altos níveis, muito mais do que nos cafés que são vendidos nos mercados.

    É até por isso que existe uma dose máxima a ser consumida desse suplemento diariamente.

    Quais os benefícios do extrato de café verde?

    • Fortalece a imunidade;
    • Regula a pressão arterial;
    • Atua diminuindo os níveis de glicose;
    • Acelera o metabolismo (levando a perda de peso).

    Os benefícios são muitos, e isso por conta da própria cafeína e de substâncias antioxidantes presentes no suplemento.

    Para começar, ele tem a capacidade de fortalecer a nossa imunidade, deixando nosso corpo mais forte para combater doenças.

    Outro benefício é que o extrato de café verde tem o poder de regular a pressão arterial e até mesmo os níveis de glicose no nosso sangue. É até por isso que ele é usado como complemento em tratamentos de hipertensão e diabetes.

    E por último, mas não menos importante, o extrato de café é um ótimo aliado para quem quer perder peso. Como é sabido, a cafeína, presente no extrato, é um termogênico.

    A principal característica dos termogênicos é a capacidade de acelerar nosso metabolismo, potencializando a queima de calorias mesmo quando estamos parados, trabalhando ou até dormindo. O resultado dessa aceleração metabólica leva a perda de peso.

    Como tomar?

    Você pode tomar café verde de diversas formas, em extrato, em pó – para ser misturado em alguma bebida – e em cápsulas.

    Qual a dose diária recomendada?

    O recomendado são duas doses por dia.

    Qual o melhor horário para tomar?

    É recomendado uma dose ou cápsula pela manhã e outra antes do almoço.

    Emagrece mesmo?

    Sim, por ser um termogênico e também por absorver parte da gordura dos alimentos que consumimos, o café verde leva ao emagrecimento.

    Onde comprar extrato de café verde?

    Em qualquer loja de vendas online. Separamos algumas abaixo:

    Mercado Livre

    Amazon

    Fauna e Flora

    Dermo Manipulações

    Como é feito o da Starbucks?

    Além do extrato de café verde, a bebida da Starbucks leva suco de frutas naturais nos sabores frutas vermelhas ou limão, e gelo.

    É uma opção super refrescante, com baixa caloria e com vitamina C. Ele já está disponível no Brasil.

    Conclusão:

    Agora dá para entender porque o extrato de café vem ganhando tantos fãs. Um suplemento natural e cheio de benefícios para a nossa saúde, não poderia ser diferente.

    Referências:

    https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/29307310/

    https://www.jandonline.org/article/S2212-2672(12)01933-8/pdf

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • emagrece-quantos-quilos-por-semana-mesmo-ou-e-mito-efeitos-colaterais-hinode-tomar-muito-cha-quanto-tempo-como-capsulas
    Curiosidades

    Café Verde Faz Mal? Contraindicações e Malefícios!

    Já é sabido que o café verde detém várias propriedades benéficas ao nosso corpo, mas resta saber se além de nos ajudar em várias áreas da nossa saúde, ele pode causar algum malefício também.

    Café verde faz mal?

    Então, a pergunta que não quer calar é: o café verde faz mal? Se sim, o que ele causa? Bem, não exatamente, o que faz mal, na verdade, é a cafeína encontrada no grão.

    O grão verde de café tem uma dose muito mais alta dessa substância porque ele não passa pelo processo de torra, por isso seu consumo não pode ser exagerado ou desenfreado.

    Quais os efeitos colaterais?

    Quais as contraindicações do café verde?

    Mesmo sendo um suplemento natural, ele tem sim algumas contraindicações.

    Grávida / Gestante pode tomar?

    De forma alguma. Por ter cafeína, em altas doses, o elemento pode deixar tanto a mãe quanto a criança, mesmo no útero, agitadas. Alguns médicos indicam que as mães tomem uma dose bem reduzida, mas é melhor não arriscar.

    Lactante pode tomar?

    Não! A cafeína pode passar para o leite materno e mesmo em quantidades pequenas é capaz de deixar o bebê acordado e bastante ativo. Sem contar que crianças novas não são capazes de absorver corretamente a cafeína, o que pode causar um quadro de irritação.

    Quem tem pressão alta pode tomar café verde?

    Pode sim! Foi comprovado que pessoas com hipertensão que consomem pequenas doses de café por dia, cerca de 140 a 729 miligramas, conseguem diminuir e controlar a pressão arterial.

    Causa gastrite?

    Pode causar irritações sim, assim como o café comum.

    Quem tem gastrite pode tomar?

    Não, qualquer pessoa que tenha doença gastrointestinal, seja gastrite ou úlcera, deve evitar o café verde.

    Pode tirar o sono?

    Sim! Tanto que não é indicado para quem já sofre de insônia, por exemplo. E mesmo para quem não tem, a indicação é não ingerir o suplemento na parte da noite.

    Causa insônia?

    Dá dor de cabeça?

    Dá sim, por isso ele não é indicado para quem sofre de enxaqueca.

    É contraindicado para crianças?

    Sim, principalmente aquelas que já são naturalmente mais hiperativas. Sendo assim, melhor deixar o suplemento longe delas.

    Qual a quantidade segura de café verde para o consumo no dia a dia?

    Como dito, o café tem níveis altíssimos de cafeína. Por conta disso, a dose máxima, diária, é de 9 gramas, não podendo passar desse número.

    Mas o melhor é consultar o médico para ter certeza qual é a dose recomendada para você.

    Conclusão

    O café verde é ótimo, mas como explicamos aqui, quando ingerido em excesso pode causar diversos efeitos colaterais, podendo potencializar quadros já existentes, como enxaqueca e ansiedade. Por isso tenha cautela na hora de consumi-lo.

    Referências:

    https://grecobe.com/what-are-the-side-effects-of-green-coffee/

    https://www.positivehealthwellness.com/diet-nutrition/the-15-terrible-coffee-side-effects-you-need-to-know-about/

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • reciclagem-biocombustivel-emissao-CO2-ar-limpo-borra-cafe
    Curiosidades

    Borra de Café: Transformada em Combustível para Ônibus!

    O café é o combustível de muitas pessoas ao redor do mundo.

    Ele é usado tanto por quem é apaixonado ou não pela bebida para começar bem o dia e para fornecer energia para fazer tarefas rotineiras, mas o que ninguém imaginava é que ele viraria, literalmente falando, um combustível automotor, de verdade.

    Pois é, combustível feito com café, mais precisamente com a borra dele e está sendo usado para movimentar ônibus. Sim, a bebida virou um biocombustível. Bem legal não?

    As vantagens desse tipo de atitude são inúmeras. Para começar você está fazendo reciclagem, o que já diminui o número de lixo mandado para os aterros e lixões. Sem contar que também reduz a liberação de gás carbônico, já que trocamos a gasolina por algo bem menos não poluente.

    Veja como ocorre esta transformação!

    A ideia surgiu da startup Bio-Bean em uma parceria com a Shell. Para se tornar um combustível, usa-se uma tecnologia que extrai os óleos contidos na borra e estes são convertidos em um elemento com baixíssima emissão de gás carbônico.

    Ela pode ser usada como fonte de energia para transporte público?

    Sim, na verdade foi essa a ideia de Arthur Kay, o responsável pela criação do protejo.

    Os ônibus em Londres já estão mudando para esse novo biocombustível alternativo, por quê?

    Por questões ambientais. Todos os anos centenas de toneladas de borra de café chegam aos aterros. Como uma forma de reduzir esses resíduos e também trocar combustível nocivos por biocombustíveis, Arthur decidiu investir nesse material.

    O empresário ganhou cerca de 1,5 milhão de reais da prefeitura de Londres, com o intuito de incentivar esse projeto com baixa emissão de carbono.

    Em parceria com a Shell, hoje a startup já possui uma fábrica mundial que recicla as borras de café – além de tudo, gerando empregos.

    Localizada em Cambridge, a instalação tem a capacidade de processar cerca de 50 mil toneladas de borra anualmente. E acredite se quiser, esse número representa apenas 10% da quantidade de café que é consumida pelos ingleses todo ano.

    Ou seja, uniu o útil ao agradável. Quer dizer, ao necessário, melhor dizendo.

    E aqui no Brasil, existe algum projeto de usar a borra de café como combustível?

    Atualmente, a Bio-Bean é uma empresa pequena, atuando apenas no Reino Unido, mas o criador do projeto já disse que tem interesse sim em trazer essa ideia para o Brasil, ainda mais se pensarmos que o nosso país consome 140 milhões de xícaras de café por ano.

    Ou seja, material para fazer combustível tem de sobra. A única coisa que falta é investimento de empresas nacionais.

    Conclusão

    Apostamos que de todas as situações que você imaginou que o seu café poderia ser usado, a criação de biocombustível não estava na lista.

    Além de movimentar pessoas, agora o café também movimenta veículos e ainda ajuda a diminuir a emissão de gás carbônico. Só coisa boa, não poderia esperar menos dessa belezura.

    Referências:

    https://www.bio-bean.com/

    https://resource.co/article/biofuel-made-waste-coffee-grounds-power-london-buses-today-12254

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • monkey-coffee-india-taiwan-resenha-review
    Curiosidades

    Monkey Coffee é Bom? Resenha e Review!

    Você já ouviu falar no Monkey Coffe? Ou em tradução livre, Café do Macaco? Um tipo raro e difícil de encontrar.

    O que é o Monkey Coffee?

    Este, como já dissemos, é uma espécie rara de café com origem na Índia e Taiwan. Por vezes é chamado de “café de coco do macaco”, o que não faz jus ao que realmente acontece para que tenhamos acesso ao grão de café.

    Tudo começa com os macacos-pedra rochosa e os macacos rhesus, eles auxiliam no processo dos grãos, ao invés de ingeri-lo cospem no chão deixando que as pessoas os peguem. Sabendo o processo, não faz sentido que o nome “café de coco do macaco” seja utilizado.

    As plantações de café localizadas em Chikmagalur, na Índia e em Taiwan, geralmente ficam em regiões próximas de florestas ou a plantação de café é intercalada com outras espécies de plantas de crescem bem com os pés de café, cultivados a sombra.

    Os macacos rochosos são habitantes naturais das florestas localizadas em Taiwan, já na Índia os macacos rhesus são os nativos. Ambas as espécies costumam visitar as plantações de café com certa frequência, como afastar os primatas se mostrou uma tarefa difícil, surgiu a ideia de aproveitar a “praga” como forma de produzir um café diferente e gourmet.

    Dentro do fruto do café existe a semente, mais conhecida como grão de café. É ela que atrai os macacos, principalmente quanto mais maduras e doces estiverem nas plantações, desse modo acabam selecionando de maneira instintiva os melhores grãos de café.

    Fazem a colheita, mastigam bem devagar por alguns minutos, até absorver os sabores que querem do grão e despois cospem no chão o que resta da fruta junto com pergaminho que a envolve. Após isso, as pessoas que trabalham nas fazendas de café, colhem com cuidado essas sementes.

    Depois de colhidas, elas são lavadas, enxugadas, processadas e secas. Esses grãos ficam com uma tonalidade cinza e possuem as marcas de dentes dos macacos. Depois de secos, os grãos já estão prontos para o processo de torra, e assim são vendidos do mesmo jeito que acontece com outros cafés.

    A prática de cultivar o Monkey Coffe é relativamente nova, antes nos anos 2000 os grãos mastigados raramente eram coletados e chegavam ao processo final de fabricação, eram considerados resíduos naturais.

    Muitos produtores passaram a colher as sementes que antes eram ignoradas, logo começaram a vende-las internacionalmente como um tipo de café especial. E ele não deixa nada a desejar no quesito de ser raro e especial.

    Seu preparo não diferente dos demais cafés, mas o gosto do Monkey é bem diferente dos outros tipos disponíveis no mercado. Pois a saliva dos macacos separa as enzimas do grão e esse processo altera todo o perfil geral de sabor que ele possui.

    Nota-se na doçura e na sua complexidade a grande diferença dele para os cafés comuns. Ele possui notas de sabor que incluem, frutas cítricas, chocolate e nozes, ainda assim o sabor de baunilha é acentuado no paladar. De corpo pesado e agradável acidez, com pequenos rastros de amargor.

    Quando devemos tomar esta bebida?

    Por ser um café raro e especial, as chances de você bebê-lo todas as manhas, ou na pausa para o cafezinho da tarde são bem baixas. Então sugerimos que você deixe para apreciar o Monkey Coffee em alguma ocasião especial.

    Relaxando no fim da tarde com os amigos, após um almoço especial e até mesmo em algum dia que você precise de café diferente para aproveitar o dia e se sentir melhor.

    Qual é o teor de cafeína neste café?

    Esta bebida possui o que muitos descrevem como quantidade de acidez perfeita. A quantidade de cafeína depende de uma variedade de fatores, que não se restringem apenas ao Monkey coffee, ou seja, afetam todos os grãos de café.

    Vai depender da torrefação, método de preparo e variedade do café cultivado. A maior parte dos grãos que compõem este café são de arábica e possuem uma quantidade menor de cafeína que os grão de robusta.

    O tempo de torra também influencia na quantidade de cafeína, quanto mais tempo na torra, mais a cafeína é queimada, logo, grãos mais torrados e escuros possuem menos cafeína que os de torra mais leve. Normalmente, ele possui uma torrefação média.

    Então sobre a quantidade de cafeína que ele possui a resposta vai depender de qual tipo você adquiriu.

    Qual é o melhor modo de fazer?

    Por se tratar de uma bebida de alta raridade e preço, é recomendado degustar o Monkey Coffee sem aditivos, como açúcar e leite. Sirva o café preto e puro, para aproveitar as nuances de sabor que só ele possui.

    Para prepará-lo, se possível evite uma máquina de café comum ou até mesmo passá-lo em um coador. Considere utilizar uma French press (prensa francesa) ou uma Aeropress, esses métodos preparam o café de forma mais rica, proporcionando ainda mais sabor!

    Como deve ser estocado?

    Como já evidenciamos, ele é bem raro e para manter o seu frescor por mais tempo, garantido a qualidade para aquelas ocasiões especiais, é necessário que ele seja armazenado de forma adequada.

    Guarde sempre em um local, seco, fresco, escuro e dentro de um recipiente hermético.

    Um armário ou dispensa, longe fontes de luz e calor intenso, são ótimos ambientes. Evite guardar o café na geladeira, freezer ou em um local muito exposto, pois a umidade degrada os grãos com o tempo.

    Ainda assim existe gente que fala de estocar ele fechado a vácuo na geladeira, e ainda assim dentro de um recipiente que não deixa a luz passar.

    Fica a seu critério qual é o melhor para você!

    Onde comprar?

    Pode ser facilmente encontrado em sites especializados em café, basta fazer uma rápida busca utilizando o navegador de internet. Trata-se de um café com preço um pouco acima do convencional, dada sua raridade, variando entre R$88,00 e R$135,00 o pacote com 1kg.

    Mas se atente para não confundir o Monkey Coffee com o café da marca “Monkey”. Muita gente pode acabar comprando um achando que é o outro!

    Conclusão

    Apesar de ter um preço que pode assustar a primeiro momento, devemos levar em consideração que a raridade do café é um fator importante, afinal sua produção depende dos macacos para acontecer e esse é um bom investimento para seu paladar.

    Todo apaixonado por café, com certeza não sentirá arrependimentos após provar o este exemplar, principalmente ao reservar sua degustação para momentos marcantes e especiais.

    Referência:

    https://reviews.birdeye.com/jumpy-monkey-coffee-roasting-146818334748765

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • classico-intenso-organico-in-natura-microlotes-capsulas
    Curiosidades

    Café Mantissa é Bom? Resenha e Review!

    Se você está procurando cafés de qualidade para experimentar, acabou de achar mais um pra sua lista. Sim, os produtos da Mantissa não só são excelentes, como devem ser provados por você, amante de café.

    O que é o café mantissa?

    Como já dá a entender, a Café Mantissa é uma empresa que atua no cultivo de grãos. A Fazenda da marca fica localizada em uma das melhores regiões quando se fala desse produto: Minas Gerais.

    Mais precisamente ao sul do estado, na cidade de Campestre. O local se caracteriza por altas montanhas de 1280 metros de altitude, além dos cafezais serem cercados por faixas da Mata Atlântica.

    Isso em conjunto com solo argiloso e fértil responde a pergunta do título: um café bom, de excelente qualidade.

    Cheio de certificações, a empresa cuida de todo o processo de cultivo de café, do plantio até a distribuição, que é toda rastreada.

    Outro ponto que com certeza deve ser levado em consideração por você e todos que forem provar os cafés da Mantissa é que a companhia tem toda uma produção baseada na conservação ambiental, além da preocupação de gerar empregos e renda para os trabalhadores locais.

    Não é à toa que a empresa coleciona prêmios.

    Quais são os tipos de cafés e produtos da mantissa?

    A Mantissa trabalha com os seguintes produtos:

    • Café clássico;
    • Intenso;
    • Orgânico;
    • In natura;
    • Microlotes;
    • Cápsulas;
    • Acessórios;
    • Kits e presentes.

    Como é o catucaí amarelo, em grãos ou moído?

    Cultivado no Sul de Minas, esse café é feito com grãos de Catucaí Amarelo advindo de um cruzamento entre Catuaí e Icatu.

    Seu aroma é doce, com uma acidez cítrica de média a alta e um corpo licoroso. Ele conta igualmente com notas de frutas amarelas como damasco, e o final traz um gosto de mel.

    O amargor é bem baixo também, perfeito para quem não é muito fã dessa característica do café.

    E o catucaí vermelho em grãos ou moído, como se apresentam?

    Este produto é produzido com grãos 100% Arábica. Com corpo licoroso, é uma bebida de acidez cítrica com toque frutado de frutas vermelhas como morango, ameixa e passas.

    É igualmente vinhoso, com baixo amargor e uma finalização para lá de elegante.

    Qual é o diferencial do moca chocolate em grãos?

    Se você gosta da combinação doçura alta e amargor baixo, então vai gostar do Moca chocolate.

    Mas seu diferencial está no fato do grão ter passado por uma mutação natural. Com isso tem-se um fruto mais arredondado e com outras características que permitem que a torra do café seja mais uniforme.

    Na boca, apresenta um corpo denso e licoroso, com uma acidez cítrica média. O aroma é de chocolate ao leite, já o seu final é marcante e com gosto de chocolate.

    Como se apresenta o sunset torrado moído ou em grãos?

    Apesar do café ser o ponto principal, não dá para não notar a embalagem do Sunset. Ao contrário dos outros que citei aqui, ele é vendido em latinhas super charmosas.

    Mas seu maior diferencial está no cultivo. Produzido com Catuaí Amarelo, esse grão recebeu altas doses de luz solar no período da manhã, o que traz ao café aromas e sabores únicos.

    Seu aroma é doce, já a acidez é cítrica com toques de tangerina e detém um corpo licoroso. Na boca mostra notas de mel e mamão com toques de caramelo. A finalização é cremosa.

    Isso para o Sunset Yellow, já o Sunset Red tem um aroma doce com acidez cítrica. No paladar conta com notas de frutas secas como ameixa e passas, além de um toque de mel. O seu final é marcante.

    Como são os cafés orgânicos da mantissa?

    • Orgânico
    • Para aqueles que além de se preocuparem com a qualidade do café também se importam com um cultivo mais sustentável e natural, pode incluir os orgânicos da Mantissa na lista.

      Este, por exemplo, foi produzido de forma 100% sustentável, sem a adição de nenhum adubo químico.

      Com baixo amargor, é uma bebida que vai chegar na sua xícara com acidez cítrica, aroma de caramelo e corpo licoroso.

      Além disso, conta com notas também de caramelo bem marcante, amêndoas e um final de nozes.

    • Orgânico in natura

    Basicamente tem o mesmo processo do orgânico mas o cultivo é feito sem a adição de nenhum produto químico.

    Na versão Fazenda em grãos, moído ou cápsulas, quais são os pontos fortes?

    Para começar, o café Fazenda é um blend com as melhores espécies de café: Bourbon Amarelo, Catuaí vermelho e amarelo e Catucaí amarelo.

    Ele conta com notas cítricas, com toques de laranja e um aroma bem doce. Já no paladar tem sabor de chocolate e caramelo, com um final bem marcante.

    A acidez é baixa e o corpo é licoroso.

    Quais são as características do produto café mundo novo?

    Feito com um cruzamento entre Bourbon Vermelho e Sumatra, o café Novo Mundo é vinhoso, com aroma doce e notas de frutas vermelhas como ameixa preta e passas.

    Sua doçura é bem alta e marcante.

    Quais são os pontos especiais do café bourbon amarelo da mantissa?

    Ao provar o café Bourbon Amarelo da Mantissa você vai se deparar com um bebida de corpo licoroso, aroma doce, acidez viva e cítrica com notas de laranja, além de toques de chocolate ao leite.

    Já seu final tem um sabor de toffee e o nível de amargor é baixo.

    Como é o fazenda in natura?

    Assim como outros in natura que citamos aqui, a versão Fazenda tem seu processo de cultivo feito de forma natural, sem o uso de elementos químicos.

    Este leva um blend de bourbon amarelo, catucaí amarelo e catuaí amarelo e vermelho.

    E o catucaí amarelo in natura, o que tem de diferente?

    Para começar é um cruzamento entre Catuaí e Icatu. O resultado é uma bebida suave, com acidez mediana e uma doçura marcante.

    Ele conta com notas frutadas e cítricas. Outro ponto de destaque é a sua área de cultivo. Por ter sido cultivado em lugares altos, isso deu ao grão a oportunidade de absorver melhor os açúcares naturais que surgem durante a maturação.

    Onde encontrar para comprar e qual é o preço médio dos produtos?

    Você pode fazer sua compra tanto em lojas online grandes ou no próprio portal do Café Mantissa.

    A média de valor varia de R$20,00 sendo os mais simples a R$80,00 os mais complexos.

    Conclusão

    Bom, que o café Mantissa é de qualidade você já sabe a essa altura do campeonato. Agora escolha o que mais combina com você, não deixe de provar e viver essa experiência.

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!