• cafe-fervido-vira-veneno-da-dor-de-barriga-oxida-em-quanto-tempo-tomar-cafe-frio-como-requentar-oxidação-do-dia-seguinte-posso-tomar-do-dia-anterior
    Curiosidades

    Verdade, Mito ou Mentira que o Café Requentado Faz Mal?

    Fala a verdade, não tem coisa melhor do que uma xícara de café quentinho e fresco, não é mesmo? Não apenas pela manhã, mas em qualquer hora do dia!

    Apesar do sabor incomparável, aqueles preguiçosos, como eu, recorrem, vez ou outra, a aquele café do dia anterior. Quem nunca fez isso, que atire a primeira pedra.

    Tem até quem faça um pouco a mais para não precisar preparar todo o dia. Apesar de muito mais fácil, tomar café requentado faz mal à saúde. Pois é, infelizmente uma notícia ruim para os preguiçosos de plantão.

    Abaixo, falaremos por que isso não é uma boa opção.

    A Oxidação do café requentado e seus malefícios

    Antes de reaquecer seu café, há algumas coisas que você deve saber sobre o grão especial que cafeina sua vida. O sabor de cada grão de café é determinado em grande parte pela forma como ele é torrado, pois os produtos químicos dentro dele reagem ao calor.

    Enquanto a maioria do sabor é fixada no lugar quando seu café pessoal é preparado, o reaquecimento irá reiniciar a reação e resultar em uma mudança de sabor. Para alguns, é quase imperceptível. Para outros, nem vale a pena beber mais. Você terá que fazer essa escolha por si mesmo.

    Você também notará que o cheiro celestial do café quase desaparece depois que ele é inicialmente preparado. Você pode não perceber isto, mas o que provamos é fortemente influenciado pelo que cheiramos. A perda de aroma também afetará a maneira como seu café tem gosto e apela para você pela segunda vez.

    Mas, indo direto no assunto, reaquecer o café faz com que você perca diversas características importantes, como o aroma e sabor, por exemplo. Esse processo deixa a bebida com um gosto ruim, como por exemplo, de queimado.

    Porém, ainda mais preocupante do que a perda dos itens que fazem do café uma ótima bebida, reaquecer o líquido acelera a sua oxidação, e é aí que mora o perigo.

    Ao ser novamente aquecido, o café pode atacar o estômago, além de causar azia, tontura, enjôo e dores de cabeça.

    Ou seja, além de perder o gosto maravilhoso, você ainda pode passar mal por ingerir uma bebida feita no dia anterior. E tenho a certeza que você não vai gostar dessa notícia, mas o ideal é que a bebida seja consumida, no máximo, 20 minutos após ser feita!

    E não adianta nada colocar na garrafa térmica. Mesmo dentro de uma e muito bem conservado, o café oxida completamente uma hora após seu preparo.

    É, time dos preguiçosos, não tem jeito. Se você quer consumir algo de qualidade e que não te faça passar mal, o jeito é largar a preguiça de lado e fazer café fresquinho todos os dias.

    De que jeito acontece essa oxidação?

    O café verde (não torrado) contém ácidos clorogênicos, e o processo de torrefação decompõe esses ácidos em ácido quínico (cujo sabor você pode associar ao quinino em água tônica) e ácido cafeico. Enquanto o ácido clorogênico tem um sabor amargo, o ácido quínico e o ácido cafeico têm ambos um sabor ainda mais pronunciado de amargo e adstringente.

    Todo café tem um pouco de amargor, mas no café que acabou de ser coado, há também muita doçura e acidez que equilibram o amargor e criam um café complexo e de sabor delicioso.

    Quando você reaquece seu café, você encoraja mais a produção desse ácido quínico e cafeico, dando assim ao seu café “um sabor ainda mais amargo, adstringente e desagradável”.

    Apesar de teoricamente a oxidação do café começar após ele entrar em contato com a água, esse processo ocorre, de fato, logo após moagem do grão. É por isso que muitos amantes dessa bebida preferem moer o item apenas no momento do preparo.

    A oxidação acontece ainda mais rápido quando este entra em contato com uma temperatura 10 graus acima do clima ambiente, que costuma ficar em torno de 25 graus.

    A temperatura em que você bebe seu café também afeta o sabor, pois dita o quão lento ou rápido os sabores dos grãos são extraídos.

    O café que está muito quente pode se tornar amargo, enquanto um café que esfriou muito ou que é feito com água que não está suficientemente quente, terá um sabor plano, menos encorpado.

    A maioria das cafeterias servirá seu café entre 85 – 82°C, embora o degustador médio de café espere até esfriar a 65°C, mais temperado.

    Assim que preparado, ou seja, que ele é misturado com a água quente, essa oxidação se inicia 20 minutos depois.

    E de nada ajuda colocá-lo na garrafa térmica, como já falamos anteriormente. Na verdade, é até pior, pois dentro desse objeto o líquido chega aos 50 graus, o que acelera a oxidação duas vezes mais.

    É por esse motivo que especialistas no assunto recomendam moer/preparar apenas a quantidade que você vai consumir naquele momento. E este deve ser ingerido o mais rápido possível.

    Além desse processo que ocorre naturalmente, o açúcar também é um inimigo do café. Ele ajuda a acelerar a oxidação e ainda tira todas as características de uma bebida feita na hora.

    Por isso, se for armazená-lo por um tempo, é melhor fazer isso sem adoçar antes. Deixa para adicionar o adoçante na hora que for tomar.

    Há muitas opiniões conflitantes sobre a destruição da cafeína pelo reaquecimento do café. Como regra geral, o calor prejudica a nutrição, então é lógico que reaquecer seu café ou torná-lo extra quente, afetará os níveis de cafeína.

    Posso guardar em geladeira?

    Existem algumas teorias que dizem que guardar o pó de café na geladeira – congelador – ajuda a preservar as características da bebida, por conta das baixas temperaturas.

    Apesar disso, não existe algo que confirme essa teoria, além de causar controvérsias em quem entende do assunto.

    Verdade ou não, de fato não tem problema armazenar o item no congelador, mas para isso você precisa seguir algumas dicas:

    • O recipiente do café precisa ser escuro;
    • Escolha um pote com boa vedação;
    • O pote deve ser retirado da geladeira o mínimo possível;
    • A temperatura da geladeira precisa ser constante.

    A parte da vedação é importante porque o café pode absorver a umidade e odores de outros alimentos com cheiro mais forte. Por isso o pote deve ficar sempre muito bem fechado.

    Você não vai querer tomar café com gosto de cebola, não é mesmo?

    Então não é bom armazenar nem na garrafa térmica?

    Sim e não! Você pode guardar seu café numa garrafa térmica – sem açúcar, obviamente -, mas não por muito tempo.

    Ela pode ser usada se, de repente, você está trabalhando e não quer ficar levantando toda hora pra pegar café. Mas, como dito, ele deve ser consumido o mais rápido possível, mesmo que tenha sido colocado na garrafa logo após o preparo.

    Um café feito na hora tem mais benefícios, quais são?

    Apesar da preguiça, um café passado na hora traz diversos benefícios. Antes de mais nada, não existe coisa melhor do que ingerir algo fresco, seja cafeína, ou comida, por exemplo.

    Então, ao optar por uma xícara de café passado na hora, todos os dias, você poderá aproveitar de todas as características do grão que você escolheu.

    Além disso, esse café fresco com certeza vai te dar muito mais energia, te deixará alerta e vai melhorar a sua concentração para enfrentar um longo dia de trabalho.

    Ele também melhora o humor, alivia dores de cabeça, previne algumas doenças – por conter compostos fenólicos na sua composição -, como Parkinson, Alzheimer, diabetes do tipo 2, problemas renais e cardiovasculares, e até câncer.

    Além de favorecer a perda de peso, já que é um termogênico.

    O café pode trazer diversos benefícios para nosso corpo e nossa saúde, mas para isso ele deve ser conservado e preparado corretamente.

    O jeito então é deixar a preguiça de lado e tentar acordar um pouco mais cedo para passar uma xícara de café fresquinha. Pense pelo lado positivo, além de trazer diversos benefícios, preparar essa bebida é bem rápido.

    Você tem sempre a opção de comprar uma cafeteira para deixar o preparo ainda mais rápido. Opções é que não faltam no mercado, para todos os gostos, tamanhos e bolsos.

    Seja como for, já sabe, nada de café requentado guardado na garrafa térmica por dias a fio.

    Referências:

    https://fullcoffeeroast.com/is-reheating-coffee-bad-for-you/

    https://www.huffpost.com/entry/why-reheated-coffee-tastes-bad_l_5ea05587c5b6a486d08279fe

    https://www.thelist.com/220331/the-real-reason-you-shouldnt-reheat-coffee-in-the-microwave/

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • tipos-de-cafe-arabica-o-que-é-conilon-100%-benefícios-marcas-comprar-valor-gourmet-variedades-cultivados
    Curiosidades

    Café Arábica: O que é, Variedades, Características, Blends e Diferença para o Robusta

    Tudo sobre o Café Arábica, seus tipos e classificações de blend

    Uma boa xícara de café pela manhã para despertar e iniciar o dia é parte da rotina de muitas pessoas, se você está aqui, com certeza faz parte do grupo de apreciadores de café.

    Mas você já ouviu falar sobre o Café Arábica? Ou que existem duas classificações para o café, sendo elas Arábica e Robusta?

    Caso não tivesse ideia dessas informações, fique com a gente para saber um pouco mais sobre esse café delicioso.

    Café arábica, o que é?

    O nome entrega a origem desse café, os primeiros registros de sua produção foram localizados no lêmem, na península árabe, em alguns mosteiros islâmicos, onde o cultivo do Café Arábica acontecia.

    Nos dias de hoje o Brasil é o principal exportador do café, que tem seu cultivo nos estados Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Bahia e no Espírito Santo, alguns outros estados como Goiás e Roraima também possuem uma pequena parte da produção.

    Caracterizado por produzir cafés mais finos o arábica tem uma qualidade superior, a plantação é feita em altitudes superior a 800 metros, fazendo alusão a sua qualidade elevada.

    Quais são as diferenças entre o Robusta e o Arábica?

    CaracterísticaCafé ArábicaCafé Robusta
    OrigemEtiópiaRepública do Congo
    Produção Mundial70%30%
    Altitude para Cultivo600 – 2200 m0 – 800 m
    Precipitação Pluviométrica1200 – 2200 mm2200 – 3000 mm
    Temperatura15 – 24 ºC18 – 36 ºC
    Conteúdo Cafeína0,8 – 1,5 %2,2 – 3,0 %
    Gordura15 – 19%8 – 11 %
    Açúcar6 – 9 %3 – 7 %
    Tempo da Florada até o Fruto Maduro7 – 9 meses9 – 11 meses
    Produtividade
    ( kg/Hectare )
    1500 – 30002300 – 4000
    Tipo de RaizProfundaRasa
    Forma do GrãoPlano e arredondadoOval
    Sabor, Aroma e AcidezRefinado, Adocicado, Mais Suave e Mais ÁcidoAmargo, Forte, Marcante, Intenso e Consistente
    Resistência a Praga e DoençasPouco ResistenteMuito Resistente

    O grão de café arábica de qualidade superior tem um corpo brilhante, possui uma quantidade satisfatória de acidez e tende a ter uma complexidade de sabores e aromas com várias camadas. Para melhores resultados ao preparar este café em casa, procure o café Arábica que tenha um corpo cheio e uma acidez mais baixa.

    Observe que a qualidade do grão arábica diminui quando servido frio ou com creme. É melhor ser servido quente.

    O perfil aromático do café arábico é altamente perfumado, doce, ligeiramente ácido, com um creme leve na cor avelã.

    Ao beber, o café Robusta é melhor provado no palato traseiro (onde as notas amargas são mais aparentes), o que lhe confere um corpo mais pesado. Os grãos Robusta de maior qualidade têm textura lisa, baixa acidez e muitas vezes têm notas de chocolate associadas ao seu perfil organoléptico.

    Para a melhor experiência de degustação quando se prepara em casa, compre café Robusta que tenha informações sobre a forma como foi cultivado – muitas vezes são informações fornecidas em sacas de café de origem única -, pois muitas vezes os fazendeiros tentam aproveitar a popularidade do Robusta e cultivam o grão em climas desfavoráveis, produzindo um produto abaixo do padrão e gerando qualidade de café inferior.

    O perfil aromático do café robusta tem uma nota amarga mais distinta, ou seja, é menos complexo e mais estruturado, com um creme de cor marrom.

    Este é um café perfeito para os amantes de creme e açúcar! Um Robusta de boa qualidade não perderá o sabor ao adicionar leite ou açúcar (tornando-o um grande candidato ao café vietnamita e ao café gelado).

    Quais são os tipos de café arábica?

    O café arábica é responsável por cerca de três quartos da produção de café mundial, isso devido a sua grande variedade, não há um número exato que quantifique os tipos de café existentes.

    O Café arábica é sempre gourmet?

    Sabemos que o café arábica é considerado uma variedade de excelente qualidade, mas mesmo que um grão seja 100% arábica nem todos são chamados de café gourmet.

    Essa classificação acontece porque todo café considerado gourmet tende a ser produzido com grãos 100% arábica, que apresentam uma qualidade excelente.

    São feitos com propósito de garantir uma bebida intensa, de aroma envolvente, sabor encorpado e levemente adocicado deixando um gosto agradável na boca.

    No caso dos grãos 100% arábica, mas com qualidade inferior, geralmente acabam sendo misturados aos grãos de robusta e são comercializados como café tradicional.

    Devido a isso, os cafés gourmet normalmente tem um custo mais elevado, além de serem embalados de forma mais sofisticada para manter aroma e sabor.

    Veja abaixo os tipos de café arábica:

    1. Catuaí

    Essa variedade do café Arabica é uma das preferidas dos produtores de café, ela é amplamente cultivada no Brasil, principalmente na região de Poços de Caldas em MG.

    Um café de sabor suave e leve, aroma adocicado e um pouco floral, sua acidez é moderada o que dispensa a adição de açúcar.

    2. Bourbon

    A variedade mais conhecida do café arábica, apontada como uma das melhores para produção de cafés gourmet, possui duas versões: Bourbon Amarelo e Bourbon Vemelho.

    Possui sabor adocicado e equilibrado, aroma que lembra caramelo e sua textura é suave e achocolatada.

    3. Kona

    Kona é considerada uma variedade exclusiva do Havai, sendo uma das melhores variedades e mais raras do mundo.
    Trata-se de um café ideal para os de paladar exigente e requintado, com sabor frutado e corpo aveludado.

    4. Catucaí

    Consequência do cruzamento entre Catuia e Icatu, essa variedade é considerada suave e apresenta um gosto doce natural.

    De aroma marcante e sabor cítrico, como café arábica possui uma excelente qualidade, assim é utilizado para criação de blends.

    5. Icatu

    O Icatu possui duas variações, uma delas resultado da combinação entre Mundo Novo, Robusta e Bourbon Vermelho, o Icatu amarelo resultou do cruzamento entre Bourbon Amarelo e Novo Mundo.

    De aroma cítrico e floral, acidez cítrica bem acentuada e sabor que lembra o caramelo.

    6. Topázio

    Encontrado em Minas Gerais, essa variedade se dá pelo cruzamento entre Catuai Amarelo e Novo Mundo.

    Sendo um café bem saboroso, com um sabor suave e aroma intenso cirtrico, é muito utilizado em receitas para o preparo de cafés gelados.

    7. Mundo Novo

    Uma variedade que fornece cafés muito saborosos e de excelente qualidade, sendo um dos mais requisitados. De sabor marcante e aroma suave, é frequentemente utilizado em receitas para drinks e cafés gelados.

    8. Acaiá

    A variedade mais brasileira, seu nome é de origem tupi-guarani e significa “frutos de semente grande”. De sabor forte, achocolatado e intenso, harmoniza bem com blends de Bourbon, e é recomendado a quem prefere um café mais suave.

    O que é um Blend de Café?

    O Blend é conhecido em outras áreas da culinária, quando se trata de cafés ocorre o mesmo; sendo a combinação ou mistura de grãos diferentes com a intenção de trazer novos sabores e aromas ao café.

    Devido ao arábica possuir uma grande variedade de espécies, e até mesmo subvariedades da mesma espécie, os blends são criados para acentuar o que há de melhor em cada grão utilizado, produzindo assim um café de qualidade ainda melhor.

    Uma mistura de café é uma mistura de dois ou mais grãos de café de origem diferente que são misturados entre si. A ideia por trás dos blends é enaltecer as melhores qualidades de diferentes origens para criar um café de sabor suave e bem equilibrado.

    Muitos blends de café são concebidos para funcionar com ou sem leite. Uma das principais vantagens dos blends é o fato de não serem tão poderosos como as origens únicas, portanto funcionam bem como a base para suas bebidas tradicionais à base de café espresso, como lattes e cappuccinos.

    Além disso, os blends são muitas vezes mais consistentes e indulgentes do que as de origem única.

    Os cafés de origem única terão uma janela menor na qual você poderá tirar os melhores sabores deles. Isto é normalmente enfatizado pela forma como as origens únicas são torradas.

    Normalmente, os cafés de origem única são torrados em uma torrefação leve a média para que eles mantenham o máximo possível do sabor desta origem única. Quando se começa a torrar mais escuro, começa-se a perder os sabores únicos e os sabores mais escuros e amargos começam a dominar os sabores originais.

    Como funcionam estes blends e como se classificam?

    • Blends entre cafés de diferentes regiões:
      Se dá pela mistura de cafés produzidos em regiões ou locais diferentes, como o blend entre cafés cultivados nas montanhas do ES e os cultivados no Cerrado Mineiro.
    • Blends com variedades diferentes:
      Esse blend se caracteriza por combinar duas variedades diferentes de uma mesma espécie de café, como entre Acaiá e Bourbon ou entre Bourbon e Catuaía Vermelho.
    • Blends de diferentes espécies:
      O blend mais tradicional, se dá através da combinação entre grãos da espécie Arábica e Robusta. A intenção em misturar os dois é em equilibrar, aroma e sabor do arábica com o amargor do robusta.
    • Blends de subvariedades:
      Aqui a combinação é realizada entre dois cafés da mesma variedade, mas com diferentes subvariedades com a intenção de ressaltar as características únicas de cada uma. O mais tradicional é o do blend entre Catuía Amarelo e Vermelho.
    • Blends com processos pós-colheita diferentes:
      Essa combinação é como o próprio nome já diz, combinam-se grãos que passaram por processamentos diferentes, inclusive os de uma mesma variedade de café, um bom exemplo é a utilização de um fruto descascado com um de processamento natural.

    Como você pode ver acima, o Arábica e o Robusta são os dois tipos dominantes de grãos de café no mundo. Portanto, se você está tomando café neste momento, provavelmente está provando um dos dois. Agora só falta decidir o tipo de bebida de café que você quer preparar.

    Muitas vezes, os fabricantes de café gostam de misturar os dois tipos para fazer uma mistura perfeita de textura e aroma. Então, em vez de escolher o melhor, por que não misturá-lo?

    Referências:

    https://theroasterspack.com/blogs/news/15409365-10-differences-between-robusta-arabica-coffee

    https://laboratorioespresso.it/en/arabica-and-robusta-coffees/

    https://oureverydaylife.com/description-characteristics-of-arabica-coffee-12502647.html

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • preço-e-boa-philco-menor-preço-capsulas-nao-sai-agua-ou
    Curiosidades

    Review Completo da Cafeteira / Máquina Expresso Mondial C-08

    O cheiro de café fresco é sempre um bom sinal para começar o dia, sendo uma das bebidas mais apreciadas no mundo, no Brasil não é diferente, a quem goste dele puro, com leite, gelado e de várias outras formas, não é de se espantar que máquinas de café desde as mais simples as mais sofisticadas ganhem o mercado todos os dias.

    Apreciadores de café ficam de olho nas novidades e sempre fica a dúvida, “devo continuar coando meu café ou vale a pena investir em uma boa máquina? “. Para te ajudar com isso, vamos falar um pouco sobre A Máquina de café expresso Mondial C-08.

    Quais são os Recursos Disponíveis Nesta Máquina?

    Com a promessa de preparar bebidas deliciosas, pois além de café também é possível fazer leite cremoso, graças ao vaporizador incluso.

    Com design moderno e simples, possui apenas três botões, o de liga/desliga, outro com a função de vaporizador para o leite e o último botão sendo para preparo do café, na parte superior há um botão para regular a intensidade do leite cremoso.

    A cafeteira possui bico duplo, o que permite fazer duas xícaras de café ao mesmo tempo, mas é preciso ficar atento pois como a coffee cream não é automática você precisa desligar sempre que a xícara estiver com a quantidade de café desejada.

    Vem ainda com dois filtros de tamanhos diferentes para a quantidade de café que você deseja fazer e uma colher dosadora para não errar na quantidade de café, como a Mondial C-08 utiliza o café tradicional, desse que podemos encontrar nos mercados, o sabor do café vai depender da qualidade do pó utilizado.

    Como preparar o seu café na Mondial C-08?

    O preparo do café é bem simples, é possível regular de água e café, como já falamos aqui o sabor do café vai depender da qualidade do pó utilizado.

    Então aposte em pós de café de boa qualidade ou ainda você pode torrar e moer os grãos em casa, a escolha aqui é livre para o que mais te agradar.

    Para fazer seu café escolha um dos dois cachimbos, eles correspondem a dose que você quer da bebida, coloque café em pó e soque o cachimbo, assim ficará compacto. Lembre-se de limpar as bordas do mesmo para que ele não fique com resquícios do pó.

    Após esse passo, encaixe o cachimbo na máquina, coloque a xícara bem posicionada no suporte da cafeteira, e ligue.
    Agora basta aguardar que a água aqueça e passe pelo pó, assim que quantidade de café na xícara for a desejada pode desligar a máquina e sua primeira xícara de café está pronta.

    Prós e Contras dá Cafeteira:

    Como todo produto, a Cafeteira Expresso Mondial C-08 possui seus pontos positivos e negativos, nada que atrapalhe muito a experiência na hora de preparar o seu café, mas vamos aqui apontar algumas características interessantes para te ajudar ainda mais na escolha e aquisição de uma boa máquina de café.

    PrósContras
    Utilização do pó de café que preferirNão é automática, então o usuário precisa interromper o fluxo da água
    Reservatório com capacidade para 2LPor ser tradicional o usuário deve se atender a higienização da máquina
    Vaporizador de leite
    Boa faixa de preço para qualidade do produto

    Quais outras cafeteiras podem ser uma boa alternativa além da Mondial C-08?

    Existem duas boas alternativas para a Máquina de café expresso Mondial C-08, caso você deseje adquirir uma máquina de café mais tradicional, são as Philco Coffee Express e a Expresso Philco 20 bar.

    A Philco Coffee Express, permite o preparo de duas xícaras de café de forma simultânea, mas seu reservatório é um pouco menor que o da Mondial C-08, com capacidade para 1600 ml.

    Já a Expresso Philco 20 bar, assim como as outras duas permite o preparo de duas xícaras de café, seu diferencial é a placa de aquecimento que mantém as xícaras quentes para receber o café, assim a bebida não vai de encontro com xícaras geladas o que em dias frios pode ser um tanto desconfortável.

    Vale a pena, ela é boa mesmo?

    Essa cafeteira entrega o que promete, além de um preço bom para as funcionalidades.

    Os contras são uma desvantagem, sendo uma cafeteira simples e de fácil manuseio não precisa de muita habilidade para aprender a utilizar, basta praticar para acertar o ponto do café que mais lhe agrade.

    Para higienizar a cafeteira é simples e recomendamos que assim que terminar de fazer seu café, retire o cachimbo e limpe bem para evitar que venha a ficar entupido e isso prejudique a eficácia da cafeteira.

    O reservatório de água também é removível, o que facilita a limpeza e garante a qualidade da água utilizada no preparo do café.

    Uma das vantagens em adquirir a Mondial C-08 é o vaporizador de leite e poder comprar o café que melhor de agrada, o que é positivo em relação a custo, uma vez que as capsulas de café costumam ser mais caras.

    Lembre-se que o café deve ter uma boa qualidade, para garantir que seu café fique saboroso.

    De modo geral, ela se mostra um ótimo investimento, as poucas reclamações dos consumidores são pontuais, mas nada grave, a qualidade do café entregue pela cafeteira vai depende da sua escolha e tempo que deixar fazendo. Com a prática você vai acabar achando o ponto que mais lhe agrada!

    O valor do produto para o que entrega é um ponto importante e acaba sendo um bom custo-benefício, pois apesar de ser uma máquina elétrica seu consumo de energia é baixo, não gerando um grande aumento na conta.

    Seu reservatório tem uma ótima capacidade o que faz com que seja possível fazer algumas boas xícaras de café até que seja necessário reabastecer.

    Se você gosta desse ritual do preparo de café pela manhã, com certeza não vai se arrepender de adquirir a Cafeteira Expresso Mondial C-08 além de ficar satisfeito com um produto de ótima qualidade.

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • reclame-aqui-multicapsula-600ml-preta-tres-coraçoes-preço-manual-multicapsula-220v-melhor-pcf19vp
    Curiosidades

    Review Completo da Cafeteira / Máquina Multicápsulas Philco

    Se tem uma coisa que podemos agradecer pelas tecnologias é a junção entre qualidade e praticidade.

    Não é ótimo começar o dia com um xícara quentinha de café expresso feito em menos de 5 minutos?

    É justamente isso que as cafeteiras de multicápsulas oferecem: agilidade, mas sem menosprezar todas as características que fazem do café uma bebida única.

    Por outro lado, junto com as tecnologias, vem o leque de opções, o que pode, muitas vezes, dificultar a escolha. Como encontrar a melhor máquina para você e suas necessidades, diante se uma infinidade de alternativas? Bom, é aí que nós entramos!

    Com o intuito de te ajudar, facilitar essa escolha, hoje vamos falar do porque você deve escolher uma cafeteira multicápsulas da Philco.

    Apontaremos suas vantagens e desvantagens, preços e tudo mais que te auxilie na sua decisão final. Então, chega de papo e vamos aos fatos!

    A Máquina de Café Multicápsulas Philco é a Melhor do Mercado?

    Falando no sentido de marca, sim, com certeza! A Philco é uma empresa muito conhecida no mercado, oferecendo produtos de altíssima qualidade.

    Agora, se ela vai ser a melhor para você, isso vai depender do que você procura numa cafeteira e quais são suas necessidades.

    Por exemplo, com uma cafeteira multicápsulas – como o próprio nome dá a entender que você poderá fazer cafés e outras bebidas neste formato.

    A máquina é compatível com os itens da Nespresso, Dolce Gusto e todas as marcas compatíveis de cápsula.

    Ela também permite que você faça café com pó solúvel, na extração tradicional do expresso. Ou seja, você tem mais uma opção para preparar sua bebida!

    Apesar do seu reservatório não ser considerado grande, em torno de 600ml, com esse número você consegue fazer algumas xícaras de café antes de repor a água. E se a cafeteira for só pra você, esse tamanho é mais que o suficiente.

    Fique tranquilo se você nunca usou ou não tem o hábito de mexer em cafeteiras com frequência. Esse é um modelo bem intuitivo. Ao pressionar um botão você consegue escolher entre um café expresso ou um lungo.

    Gasto de energia não será um problema com ela, isso porque a máquina possui desligamento automático após 15 minutos de inatividade.

    Outro ponto bem legal dessa cafeteira multicápsulas é que ela vem acompanhada de acessórios, incluindo cápsulas da Nespresso e Dolce Gusto. O que quer dizer que você vai poder estrear sua máquina assim que ela chegar.

    Você ganha também um suporte para filtro de café expresso e colher dosadora, impedindo que você erre a proporção na hora que for fazer bebidas com pó solúvel.

    Além disso, a máquina oferece três tipos diferentes de bandeja: para pó de café, para cápsulas Nespresso e Dolce Gusto.

    Sua pressão é de 20 bar, um ótimo número para fazer expresso em casa, já que os especialistas dizem que 19-20 bar é o número ideal!

    Quanto ao design, ela não deixa a desejar e com certeza será um item a mais de decoração na sua cozinha. A cafeteira é toda vermelha, com detalhes em preto. Com essa combinação de cores, não tem como ela não deixar esse cômodo visualmente mais bonito.

    Para saber se a cafeteira Philco será boa para você, é preciso conhecer também os pontos negativos. Neste caso, a primeira “desvantagem” é que esse modelo não é compatível com cápsulas de chocolate ou chá, apenas as de café.

    Existem algumas reclamações de usuários quanto a temperatura do café utilizando as cápsulas para sua confecção.

    Ela também só está disponível em 127v. Não existe a opção de 220v e nem bivolt.

    Como dito, a cafeteira multicápsulas da Philco é boa, mas essa decisão depende exclusivamente do que você procura.

    Se não for ela, qual outra fica sendo a melhor alternativa?

    Se por algum motivo a multicápsulas não atende alguma das suas necessidades, você pode optar pela Oster Prima Latte II.

    Este modelo também permite que você faça café com cápsulas ou pó solúvel. Mas, neste caso, você só conseguirá usar os itens da Nespresso. Além disso, seu preço é um pouco mais elevado que a da Philco.

    Onde é bom pra comprar e quanto custa uma Cafeteira Multicápsulas Philco?

    A cafeteira multicápsulas da Philco atende às suas necessidades? Que ótimo! Agora vem a parte divertida: a compra. Mas a questão é, onde posso adquirir a minha?

    Bom, com a internet o leque de sites de compra é enorme. Apesar disso, é preferível sempre escolher uma loja de confiança, já conhecida no mercado.

    Neste caso, você pode optar pela Amazon, Mercado Livre, Americanas, Shoptime, Extra, entre outras E-commerces famosas. Mas antes, não esqueça de fazer uma pesquisa de preços, obviamente.

    O custo dessa cafeteira gira em torno de R$400 reais, o que não é muito se levarmos em consideração todas as suas utilidades, mas se você puder pagar mais barato, é sempre melhor, não é mesmo?

    Com certeza você ainda vai achar alguma oferta por conta de datas comemorativas, fique de olho pois as promoções costumam aparecer junto com essas datas.

    Outra dica para pagar mais barato é optar por sites que oferecem frete grátis. A Amazon tem entrega gratuita para assinantes da Prime Vídeo.

    Caso não tenha assinatura, você pode comprar pelo Mercado Livre, que libera essa vantagem para compras acima de R$100 reais. Você só precisa fazer uma conta, que é gratuita.

    Mesmo assim, não deixe de olhar outros sites, pois em alguns casos eles também oferecem frete grátis, que foi o caso das Casas Bahia para os dias das mães.

    Se de repente achar em um outro portal com um preço mais em conta, não deixe de pesquisar bem a respeito da empresa e olhar os reviews de compra. Esses cuidados simples impedem que você caia em algum golpe e perca seu dinheiro.

    Seja como for, pode ter certeza que adquirir uma cafeteira multicápsulas da Philco será um ótimo investimento para sua casa e para sua paixão por café.

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • tres-opinião-modo-promoção-preço-valor-branca-havan-maquina-de-cafe
    Curiosidades

    Resenha Completa da Cafeteira Três Corações Mimo

    Aquele que ama o café e ainda adora variar nas bebidas, certamente vai amar esse tipo de cafeteira que oferece muitas opções e muita praticidade de café em cápsula.

    Mas ela é de fato boa? Continue lendo e veja suas características principais e o seu custo x benefício.

    O que faz a Cafeteira Três Corações Mimo?

    A Mimo da Três corações, é muito bonita e compacta. O seu design combina com qualquer ambiente e a de fácil acomodação.

    É possível encontrar o modelo no mercado nas seguintes cores:

    • Vermelho;
    • Branco;
    • Preta.

    O design foi elaborado pela Três Corações em conjunto com a empresa italiana Caffitaly.

    De modo geral, as características delas são:

    • Pressão em 15 Bars;
    • 30 segundos para extração completa;
    • Possui suporte totalmente removível o que facilita a colocação do copo tipo long drink além da execução de várias qualidades de bebidas de acordo com cápsula compatível.
    • O reservatório para água tem capacidade para menos do que 1 litro e, isso acaba influenciando na quantia de cafés que podem ser feitos em sequência.
    • O reservatório conta com 1 filtro agrupado na parte interna e inferior.
    • Dispõe de 1 dispenser na parte interna para condicionar cápsula usada.
    • As peças são facilmente removíveis e higienizadas.

    Além de todas essas características, a Mimo possui um tipo de cápsula para retro lavagem, veja os detalhes:

    Cápsula de limpeza exclusiva

    Essa característica, é um grande diferencial para a marca, visto que as outras como a Nespresso bem como também Dolce Gusto não oferecem essa função de retro lavagem.

    Na seção superior dessa máquina, existem 3 lâmpadas com as cores:

    • Laranja;
    • Azul;
    • Verde.

    Cada cor, indica o tipo da bebida desejada. Se deseja tomar um cappuccino clássico deve-se acionar o botão azul, por exemplo. A indicação das cores, estão dispostas nas próprias cápsulas.

    Para definir o grau de intensidade do café, deve-se escolher e apertar 1 vez se você desejar café mais forte e 2 vezes se desejar uma bebida mais fraca.

    Vantagem de Cápsulas

    Em relação às cápsulas, a Mimo Três Corações possui ainda um diferencial de produzir a bebida utilizando apenas 1 cápsula, diferentemente da marca Dolce Gusto que precisa de duas, geralmente 1 de café e outra de leite, por exemplo.

    Em decorrência disso, o gasto com as cápsulas Três Corações tende a ter um valor mais baixo do em relação as da Dolce Gusto.

    Cada cápsula indica em sua embalagem a intensidade de cada café de acordo com a quantidade de círculos completados.

    A sua desvantagem, entretanto, é que o seu funcionamento é somente com as cápsulas da mesma marca, ou seja, não é possível utilizar as compatíveis.

    Quais são seus recursos e benefícios?

    Como já mencionada, a Três Corações Mimo vem com muitas funções e seu manuseio é totalmente prático e funcional.
    Dentre as suas vantagens e desvantagens, estão:

    Vantagens:

    • Extrai várias opções para bebidas de café por meio de cápsula;
    • Conta com versões de cápsula para fazer chá, cappuccino e outras bebidas;
    • Cápsulas são únicas e por consequência ajuda a reduzir o custo;
    • Possui cápsula para a autolimpeza na parte interna;
    • É pequena e muito compacta.

    Desvantagens:

    • O seu recipiente para água é bem pequeno;
    • Não permite o uso de cápsula alternativas e compatíveis.

    É possível achar outra boa máquina de café com um custo benefício semelhante?

    Bom, se você procura por uma máquina de espresso em cápsulas, geralmente as alternativas mais comuns são as das marcas principais e concorrentes como Nespresso e também a Dolce Gusto.

    Em geral, a Nespresso dispõe de uma gama muito grande de café e ainda permite a utilização de cápsula de outras marcas que sejam compatíveis.

    Diante da variedade de café espresso que ela oferece, especialmente a Inissia, ela tende a ser a melhor alternativa.

    Agora se a predileção é por bebidas diversas à base do café, a Dolce Gusto então pode ser a ideal para você.

    A Mini Me, por exemplo, também é compacta e consegue oferecer diferentes bebidas. Essas duas alternativas, então são as mais semelhantes com a Três Corações Mimo.

    Para finalizar, ela é mesmo uma boa opção?

    Ainda tem dúvidas se a Mimo é realmente boa?

    Sim, ela é uma excelente alternativa para você que adora café e outras bebidas à base dele.

    Confira a ficha técnica da cafeteira Mimo da Três Corações:

    • Modelo e marca – Máquina para Café Expresso Mimo Três Corações;
    • Cores – Vermelho, preto, branco;
    • Peso – 3,5kg;
    • Voltagem de 110 V ou 220 V;
    • Potência de 1070 W;
    • Itens na embalagem: Uma cafeteira, um manual para instruções, um certificado da garantia, uma cápsula de higienização e um guia prático e rápido.

    Diante de todas as suas funções e características, é notório que se trata de uma excelente cafeteira não é mesmo?

    Mas não é apenas isso que faz ela ser uma boa opção. É necessário saber o seu real valor para então analisar se condiz com essa realidade e especialmente o seu custo x benefício.

    O valor médio dela está em torno de R$500,00, veja então se vale o investimento:

    Ao considerar que não se trata de uma simples máquina de café e principalmente da disponibilidade e facilidade em preparar a sua bebida preferida em questão de poucos segundos, ela prepara bebidas como:

    • Café puro;
    • Chás diversos;
    • Cappuccino;
    • Bebidas diversas com cremosidade.

    E além disso, toda a preparação é feita sem sequer sujar a sua cozinha, pode-se então afirmar que o seu custo é de fato baixo.

    Em contrapartida, se comparar com o preço de outros modelos, talvez o seu valor seja considerado até acima de toda a média.

    Toda percepção de custo x benefício deve ser avaliada de acordo com o desejo e necessidade diária.

    No entanto, se você preza pela qualidade da bebida, pela variedade de sabores, praticidade na extração, na higienização da cafeteira e não precisa de fazer uma quantia grande diária, vale investir nesse modelo.

    E se por ventura ainda surgir um receio ou dúvidas em relação a mesma, pesquise e veja o que as pessoas que já compraram desse exemplar falam sobre ela.

    Faça a sua pesquisa, adquira a sua cafeteira tão almejada e aprecie todos os dias um bom café.

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • pode-matar-como-eliminar-sintomas-dor-de-cabeça-desintoxicação-diminuir-os-da-efeito-contrário-no-organismo
    Curiosidades

    Os 6 Efeitos Secundários do Excesso de Cafeína / Café no Organismo

    Estudos afirmam que o café e o chá são muito benéficos para a saúde. Tais bebidas geralmente apresentam a cafeína em sua composição e ela é responsável por acelerar o metabolismo, o desempenho mental e físico, e ainda de aumentar o humor.

    Além disso, várias pesquisas apontaram que o consumo dessas bebidas é totalmente seguro em grande parte das pessoas, desde que em quantias moderadas ou baixas.

    Em contrapartida, se houver a ingestão de doses altas, os efeitos podem ser desagradáveis ou até perigosos para a saúde.

    Quais são os 6 sintomas mais comuns do uso em excesso da cafeína no corpo?

    Cada pessoa é única e, por isso em cada caso pode ter uma ocorrência diferente. Há algumas situações inclusive que mesmo com a dose considerada moderada, certas pessoas podem apresentar alguns desconfortos.

    Confira abaixo os sintomas em caso da ingestão em excesso de cafeína:

    1 – Frequência cardíaca rápida

    A cafeína em excesso no organismo, pode provocar aceleração dos batimentos cardíacos, ou seja, faz o coração bater bem mais rápido.

    Além disso, pode provocar também a fibrilação atrial (ritmo cardíaco modificado). Isso foi relatado por vários jovens que ingerem energéticos exageradamente.

    Em outra situação, houve um caso em que uma pessoa tentou suicídio ingerindo uma dose muito alta de comprimidos e pó de cafeína.

    Isso acarretou a ela uma frequência altíssima cardíaca bem como insuficiência dos rins e outros tipos de problemas bem graves para a saúde.

    Vale ressaltar que, nem todas as pessoas têm esse efeito no organismo. Muitas inclusive toleram quantias altas da cafeína sem apresentar qualquer tipo de efeito.

    Porém, independentemente de qualquer coisa, evite o excesso e se notar alterações na frequência ou ritmo cardíaco posteriormente a ingestão, reduza imediatamente o consumo e se necessário procure um médico.

    2 – Insônia

    Há quem adora tomar o café para ajudar a manter-se acordado. Ele realmente concede muita energia, porém, o exagero no consumo de cafeína é capaz de afetar o sono negativamente e sem que você perceba.

    Ela é capaz de elevar o tempo que cada pessoa leva para adormecer e também de reduzir o período total do sono, nos idosos especialmente.

    Vale lembrar que, as doses moderadas ou baixas não interferem no sono e nem mesmo daqueles que já sofrem com quadros da insônia mais crônica.

    Além do café e do chá, produtos como refrigerante, cacau, chocolates, energéticos e outros tipos de remédios, também podem conter uma quantia bem significativa de cafeína.

    Contudo, a quantidade da substância consumida diariamente que não afeta o sono, dependerá muito dos fatores particulares do organismo e também da genética.

    3 – Ansiedade

    Já sabemos que essa substância, é famosa por elevar a situação de alerta. Ela bloqueia os fins da adenosina, que é responsável pelo cansaço.

    Ao mesmo tempo, ela estimula a liberação da adrenalina e com isso aumenta a energia da pessoa.

    Embora isso muitas vezes seja benéfico, doses excessivas podem provocar nervosismo, estresse, respiração acelerada, e ansiedade cada vez mais constantes.

    Estima-se que ingerir mais de 1000 mg no dia, esses sintomas surgem em grande parte das pessoas.

    Para aquelas mais sensíveis, até mesmo doses mais baixas podem provocar tais efeitos.

    Desse modo, deve saber que a dose contida em cada xícara pode variar muito e, por esse motivo, é preciso atentar-se para o seu comportamento diário após a ingestão do café, por exemplo.

    4 – Dependência

    Mesmo que tenha sido provado as vantagens da cafeína para a saúde, não é possível negar que tomá-la acaba virando rotina.

    Embora ela seja capaz de desencadear composições químicas no cérebro de forma semelhante às drogas, ainda assim a cafeína não provoca a dependência da mesma forma que elas.

    Entretanto, a dependência é física ou psicológica, ainda mais se houver uma ingestão excessiva.

    Houve alguns estudos comprobatórios que as pessoas que ficaram um tempo sem a cafeína, demonstraram desejos fortes por ela, com um aumento das ocorrências de dores de cabeça, sintomas de abstinências e também fadiga.

    Mesmo que a sua dependência não seja exatamente igual ao da cocaína ou anfetaminas, por exemplo, se houver o consumo diário e em excesso, há uma chance enorme de se tornar dependente da bebida.

    5 – Alterações digestivas

    Fala-se que tomar uma xícara do café todos os dias pela manhã ajuda no funcionamento do intestino.

    A cafeína consegue estimular todos os movimentos do intestino, aumentar o peristaltismo e também as contrações responsáveis por mover os alimentos pelo trato da digestão.

    Por essa razão, certamente se houver a ingestão sob alta dose, tende a soltar as vezes e até mesmo provocar diarreia em algumas pessoas.

    Pesquisas apontam que a substância não é capaz de provocar úlcera, porém, ela pode agravar casos de refluxo em certas situações. Muitos estudos ainda estão em andamento sobre o assunto.

    Devido a isso, se os sintomas aparecerem, o ideal é diminuir o consumo de chás ou de café diariamente, por exemplo.

    6 – Micção e Urgência Frequentes

    Sim, quanto mais se ingere a cafeína, maior é a micção. Isso se deve pelos estimulantes efeitos do complexo da bexiga.

    Você já observou que todas as vezes que ingere café e/ou chá a frequência que urina aumenta?

    Sim, muitos estudos apontam que esse aumento se manifestou especialmente nas pessoas com idades mais avançada ou que tenham incontinência ou bexigas hiperativas.

    Desse modo, se você notar um aumento excessivo na micção bem como na urgência, é importante reduzir o consumo e dependendo da situação buscar ajuda de um médico.

    Conclusão

    Se você gosta de apreciar um café ou chá diariamente, não precisa parar, fique tranquilo!

    A ingestão leve, baixa e moderada oferece ao nosso organismo inúmeros tipos de benefícios.

    Sob outra perspectiva, você precisar tomar cuidado para não exagerar e, assim, evitar qualquer tipo de interferência ou efeitos colaterais em seu corpo e em sua vida.

    Cada pessoa reage à substância de maneira particular. No entanto, para garantir as vantagens da cafeína e ficar longe dos efeitos negativos, preste atenção nos seguintes quesitos:

    • Avalie como está o seu sono;
    • Observe a sua disposição e energia ao longo do dia sem o uso da bebida.

    E se identificar algum desconforto ou relação do que está sentindo com a cafeína, o melhor é diminui a ingestão. Vá diminuindo aos poucos para o seu corpo ir acostumando a nova mudança.

    Aprecie com moderação!

    Referências:

    https://www.healthline.com/health/caffeine-overdose

    https://www.verywellfit.com/what-are-the-side-effects-of-too-much-caffeine-2506047

    https://www.bicycling.com/health-nutrition/a27528079/how-much-caffeine-is-too-much/

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • cafeteira-cafe-v60-passador-de-cafe-brasil-comprar-filtro
    Curiosidades

    Chemex: Confira Tudo Sobre o Método Perfeito de Coar Café

    Você conhece o Chemex?

    Este é um jeito especial e excelente para garantir um bom café coado e bem limpo.

    Veja todos os detalhes bem com prós e contras e como manusear para saborear o melhor do café!

    Chemex, o que é isso?

    Chemex é um tipo de cafeteira elaborada com o vidro. Ela possui madeira circular em partes do ponto central e envolta por laçarote em couro.

    O material utilizado para sua confecção é o borossilicato, esse é usado para fabricação, por exemplo, de equipamentos de vidros para laboratórios. Ele é mais forte e não libera nenhum resíduo para o líquido do interior.

    Com um design extremamente interessante e atraente, ele possui um formato de ampulheta, e foi desenvolvido no ano de 1941 pelo Dr. Peter Schlumbohm da Alemanha.

    Migrando para os Estados Unidos e fugido do governo de Hitler na época, ele fundou a cafeteira em vidro sob um design sofisticado e arrojado. Esse formato, no entanto, é capaz de produzir um café muito saboroso e límpido.

    O visual da Chemex é incrível de tal maneira que se destacou pela tendência moderna da época e se tornou uma peça valiosa, de arte e permanente no Museu de Arte Moderna em Nova York.

    Seu sucesso então, se espalhou por todo o globo!

    Como é feito e características do café Chemex

    Agora que você já sabe o que é um Chemex, vamos lhe mostrar como é a preparação do café e suas características.

    1 – Diferenças no filtro

    Sem dúvida alguma o destaque da peça está em seu design, no entanto, um outro ponto que se destaca é o formato diferente em cone do seu filtro. Além disso, ele é mais grosso do que os tradicionais.

    O filtro utilizado é o mesmo de laboratórios e ele é cerca de 30 por cento mais grosso em relação ao tradicional.
    Isso, no entanto, influencia de maneira direta a qualidade e sabor da bebida.

    2 – Totalmente livre de resíduos

    A qualidade do material da cafeteira associada ao filtro de espessura mais grossa, garante um café melhor filtrado.

    Pelo fato de ser bem filtrado, o resultado final é uma bebida bem mais limpa, com pouca presença de óleo essencial, menos resíduos, com sabor marcante e muito delicioso.

    Além da função importante do filtro, há uma canaleta bem na abertura da cafeteira a qual serve para evaporar rapidamente o ar enquanto se coa o café. Essa evaporação, contribui também para a qualidade final da bebida.

    3 – Fácil de preparar

    A parte feita de madeira, a qual se localiza a ampulheta, isto é a parte que afina, é exatamente o local ideal para manipular a Chemex na hora de servir.

    Desse modo, a pessoa que está servindo não encosta no vidro quente e evita se queimar.

    4 – Diferenças nos tamanhos

    Ela é disponibilizada no mercado para as pessoas que gostam e almejam utilizar essa forma de preparar o seu café.
    Entretanto, é possível encontrar a Chemex em 4 tipos de tamanhos, quem podem servir as quantidades de xícaras de:

    • 3;
    • 4;
    • 5;
    • 6;
    • Ou até 8 xicaras do café.

    Se deseja adquirir uma delas, escolha conforme a sua necessidade diária. Indica-se uma proporção de 60g de pó para cada 660ml da água na Chemex.

    Se não quer errar, vale a pena a utilização de balança para te auxiliar.

    5 – Modo fácil e simplificado de fazer o café

    Embora pareça para muitas pessoas difícil de utilizar, o seu manuseio é totalmente facilitado.

    Basta apenas atentar-se na moagem correta e adequação do pó, despejar água em círculos e com cuidado e lembrar sempre de escaldar a cafeteira antes de fazer todo o processo.

    Seguindo esses passos, certamente notará o quão simples é preparar o café nela.

    Quais são as suas desvantagens?

    Infelizmente nem tudo é 100% perfeito, e por isso, para algumas pessoas existem desvantagens que impedem o seu uso.
    A lista de desvantagens mais comuns da Chemex são:

    1 – É preciso paciência e ter tempo

    Certamente, as máquinas elétricas de café são mais práticas e ágeis. E ao comparar a Chemex com elas, ela fica para trás, pois necessita de paciência e tempo para a extração do café.

    Desse modo, se o seu tempo é muito corrido, ela não é a ideal para você.

    2 – Estrutura

    A sua estrutura, mesmo que seja de um material resistente, ainda corre o risco de se quebrar ao higienizar ou manusear.

    3 – Os filtros devem ser adequados

    Para garantir as vantagens de um café de qualidade, exige-se a utilização de filtros específicos.

    Caso contrário, a experiência não será conforme a expectativa.

    4 – A moagem dos grãos

    O café precisa ser moído de forma que a sua espessura fique adequada e correta. Isto é, uma cafeteira como a Chemex para lhe oferecer uma ótima experiência precisa de grãos de qualidade e estes devem estar moídos no tamanho certo também.

    Para isso, escolha moer os grãos no momento de preparar ou compre pó sob granulação média para grossa.

    A granulometria faz de fato toda a diferença para apreciar a qualidade e o sabor no café feito com esse tipo de cafeteira.

    5 – Diferença com os cafés expressos

    Há quem gosta de café expresso. E se esse é o seu caso, preciso te dizer que o sabor não é o mesmo, ou seja, não possui o sabor fortíssimo e muito intenso como dos expressos.

    Existe um método certo para fazer esse café do tipo Chemex?

    Para preparar o café e obter uma bebida de qualidade, basta seguir os seguintes passos:

    1 – Escaldar antecipadamente o filtro

    Antes de coar o café escalde a cafeteira com água fervente. Isso é imprescindível para excluir qualquer tipo de sabor indesejado bem como evita o choque térmico na hora de preparar a bebida.

    2 – Use o pó na medida correta

    Como já mencionado, a ajuda da balança é ideal, porém, se não tiver uma em sua casa, você pode utilizar as medidas abaixo:

    • 60 gramas do pó, ou seja, 6 colheres do tipo de sopa;
    • 660 ml da água, ou seja, aproximadamente seis xícaras e meia com 100 ml de água.

    3 – Faça a pré-infusão

    Indica-se realizar uma pré-infusão para preparar o café. Isso ajuda a hidratar o pó e eliminar os gases liberados pelo café.

    Como fazer:

    Inicialmente despeja uma quantidade pequena da água fervente com pó. Espere, então 30 segundos aproximadamente e depois siga com o processo normalmente.

    4 – Vá colocando água de maneira devagar

    A água precisa ser despejada gradativamente, devagar e com movimento circular.

    Deve-se evitar jogar a água nas extremidades do filtro, retirar o filtro e servir apenas quando o gotejamento cessar.

    Por fim, sirva a sua bebida em xícaras e aprecie o seu café feito nessa obra de arte que é a Chemex.

    E aí, gostou dessa cafeteira, bem diferenciada não é mesmo? Você é daquelas pessoas que além de apreciar o sabor do café, ama também participar do processo de prepará-lo?

    Se a resposta for sim, temos certeza que o seu primeiro contato com ela será amor à primeira vista!

    Referências:

    https://www.homegrounds.co/chemex-coffee-maker-review/

    https://www.chemexcoffeemaker.com/

    https://foodal.com/drinks-2/coffee/brewers/chemex-review/

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • café-com-canela-harmonização-leite-condensado-cremoso-nescau-faz-mal-pode-misturar-quente-como-tomar-com-tipos-de
    Receitas e Dicas

    4 Receitas de Café e Chocolate para Você Experimentar com Passo a Passo

    Que o café é uma das bebidas mais amadas do mundo, disso ninguém duvida. Que ninguém discorde também que o café está fortemente enraizado na rotina de diferentes culturas, seja na França, na Índia ou na Patagônia. O café é mundialmente popular!

    Agora, se juntarmos esse amor pelo café a uma outra paixão também mundial e igualmente avassaladora, teremos então um produto extraordinário no sabor e no aroma.

    Estamos falando das bebidas que misturam café com chocolate, compondo uma mistura incomparavelmente deliciosa!

    Já vimos, por exemplo, que algumas cafeterias nos trazem aquele espresso com o tablete de chocolate delicadamente colocado no pires para mergulharmos no líquido quente e termos então essa maravilha cremosa. Essa é a maneira mais simples, mas existem muitas e muitas receitas para essa combinação.

    Qual nome recebe a bebida feita de Café com Chocolate?

    Bebida de origem italiana, o Mocaccino ou simplesmente Moca possui um visual para lá de charmoso, com cerca de 3 camadas.

    Bastante confundido com o Cappuccino, a diferença entre eles está no chocolate em calda ou em pó, que é a base do Moca e não faz parte do Cappuccino tradicional.

    O Cappuccino é constituído por café, leite e leite vaporizado. E o Moca tem uma base cremosa de chocolate intenso, seguido por uma camada de café amargo, o que estrategicamente realça o sabor.

    A quantidade de leite nessa bebida também é bem menor do que no Cappuccino e normalmente fica no topo da xícara, como um toque final.

    O Moca também pode levar ingredientes especiais, como chantilly, canela, gengibre e mesmo caramelo cremoso.

    Café e chocolate realmente combinam, ou não harmonizam?

    Aparentemente sem chance de combinação harmoniosa, o chocolate pode fazer uma excelente parceria com o sabor do café, mas é preciso optar pelo bom senso e buscar o equilíbrio. Na verdade, existem duas maneiras de promover uma harmonização.

    A primeira seria por similaridade, juntando dois sabores doces, por exemplo. Um café bastante adoçado e um alimento levemente açucarado. Você terá um resultado extremamente doce, claro.

    O objetivo nessa harmonização é intensificar aquela característica do sabor em si e teremos o doce intenso, reforçado a enésima potência.

    O outro tipo de harmonização é por contraste. Nesse caso, você junta sabores de matrizes opostas e obterá um sabor incrivelmente único, uma vez que esses sabores criam uma complementaridade entre si.

    Doce e amargo: um chocolate e um café de amargor pronunciado, como um exemplo.

    Para a harmonização entre café e chocolate, o que vale é o equilíbrio e assim sendo, o recomendado é o segundo tipo, por contrastes.

    Alguns exemplos desse nível de combinação entre amargo e doce:

    • chocolate quente e bombom de café levemente amargo;
    • Frapê de café com chocolate branco;
    • Café de torra clara e chocolate amargo;
    • Barra de chocolate com grãos de café.

    1 – Tradicional receita de café misturado com chocolate

    Para essa receita, você vai precisar de:

    • 100 g de café (pó);
    • 4 copos com água;
    • 8 gramas de chocolate (pó);
    • uma pitadinha de sal.

    Modo de preparo:

    • 1-Coloque a água para aquecer.
      Atenção para não deixá-la ferver, pois isso provocará a queima do pó e deixará o mesmo com o sabor amargo.
    • 2- Numa tigela, misture bem o pó de café com o de chocolate e a pitada de sal.
    • 3 – A seguir, encaixe o coador numa garrafa térmica e deposite ali a mistura dos pós.
    • 4 – Regue a mistura com a água aquecida em quantidade suficiente para cobrir toda a mistura de pó.
    • 5 – Hidrate novamente em movimento circular para que a água cubra todo o pó. Deixe o café cair e sirva logo a seguir!

    2 – Mocaccino ou o famoso mocha

    Ingredientes:

    • 18 gramas de calda sabor chocolate;
    • 1 xícara de café espresso quente;
    • leite vaporizado.

    Modo de preparar:

    • 1 – Coloque inicialmente a calda de chocolate para que ela se deposite no fundo do copo;
    • 2 – Adicione em seguida a xícara de café espresso;
    • 3 – Por cima, coloque cuidadosamente a espuma do leite;
    • 4 – Para finalizar, decore com chantilly e grãos de café por cima.

    Está pronto o seu Moca!

    Outras Receitas:

    3 – Frapuccino de Café com Chocolate à la Starbucks

    Ingredientes:

    • 1 Copo americano com café;
    • 1 copo americano com leite;
    • 25 gramas de cobertura sabor chocolate;
    • 12 gramas de açúcar;
    • 10 gramas de chocolate (pó)

    Modo de preparar:

    • 1 – Prepare o café normalmente e, em seguida, despeje o líquido em formas de gelo. Leve ao congelador e aguarde o congelamento.
    • 2 – Após o congelamento, bata no liquidificador os cubos, o leite gelado, o chocolate em pó e o açúcar. Bata com a tecla “Pulsar”.
    • 3 – Adicione a calda de chocolate e bata um pouco mais. Para servir, pode decorar com chantilly.

    Algumas dicas:
    *Pode-se substituir o açúcar por adoçante. No entanto, não precisa utilizar açúcar na receita se optar por usar achocolatado, em vez de chocolate em pó, pois ele já vem adoçado

    * Use calda de chocolate aquecida: ao entrar em contato com o leite gelado, ela se solidifica, criando pequenos pedaços de chocolate.

    4 – Café Cremoso de Chocolate com Leite Condensado

    Ingredientes:

    • 1 xícara já preparada de café;
    • meio copo americano com leite;
    • 10 gramas de chocolate picado em flocos;
    • 20 gramas de leite condensado.

    Modo de preparo:

    • 1 – Primeiramente deposite o chocolate flocado no fundo de uma taça ou copo especial.
    • 2 – A seguir, vá adicionando o leite condensado e depois disso, coloque devagar o leite quente. Mas atenção! Tenha cuidado para que ele não se misture ao chocolate. Por cima desse leite, ponha o café.
    • 3 – Para o toque final, incremente com o restante do chocolate flocado e está pronto!

    Bom apetite!

    Agora que você teve bons momentos de delícia lendo essas receitas, que tal pôr literalmente a mão na massa e preparar essas maravilhas?

    Referências:

    https://www.recipetips.com/recipe-cards/t–2016/chocolate-coffee-delight.asp

    https://milkandpop.com/starbucks-mocha-latte/

    https://www.yummytummyaarthi.com/cocoa-coffee-recipe/

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • gastrite-marcas-preço-ansiedade-solúvel-faz-mal-melitta-tem-cafeina
    Curiosidades

    Café Descafeinado: Quanto pode beber por dia? É Saudável?

    Provavelmente não existe coisa pior pra quem gosta de café do que não poder tomar café. Mas, calma, meu caro amante desta bebida, pra tudo se dá um jeito.

    Se o seu médico te proibiu de tomar cafeína porque você tem gastrite, hiperatividade ou sofre de insônia, você pode recorrer ao café descafeinado.

    Este é liberado para quem sofre com uma das doenças citadas acima por conta do seu nível baixíssimo de cafeína. Para se ter ideia, essa bebida possui apenas 0,1% desse elemento.

    Por conta desse nível baixo, esse número não é capaz nem de retardar o sono.

    E fique tranquilo, pois o gosto também é o mesmo do café comum, isso graças a um processo químico e – ou físico delicado que a bebida passa, que acaba por não retirar elementos essenciais que influenciam no aroma e no sabor deste, conservando suas principais características.

    Legal, não é?! Logo a seguir falaremos mais sobre o café descafeinado, confira!

    Qual o efeito do café descafeinado no corpo e no cérebro?

    Por conter um número quase insignificante de cafeína, elemento que proporciona diversos benefícios para o nosso corpo e cérebro, os consumidores ficam preocupados de perderem essas vantagens por terem que trocar o café comum pelo descafeinado.

    Quanto a isso, pode ficar tranquilo porque você vai continuar aproveitando dessas qualidades mesmo que tenha que começar a tomar o descafeinado. Mas, afinal de contas, o que esse “líquido precioso” traz de bom para nós?

    Para começar, sabia que ele é capaz de manter seu nível de colesterol em níveis saudáveis? Ótimo, certo?

    O café descafeinado também tem o poder de prevenir coágulos sanguíneos, o que acaba melhorando a circulação de sangue no nosso corpo.

    É uma ótima ferramenta para prevenir diversos tipos de infecções, como reumatismo, diabetes e artrite. E falando em diabetes, o descafeinado também auxilia a reduzir o risco dessa doença do tipo 2.

    E não para por aí. O café conta com diversas propriedades importantes, como as vitaminas B2 e B3. A primeira previne dores de cabeça, catarata e até câncer. Além de melhorar o aspecto da pele e de acne, da força ao cabelo e ajuda o sistema imunológico.

    Já a vitamina B3, presente no café, auxilia na eliminação de substâncias tóxicas do nosso corpo, que são geradas pelo estresse.

    O cálcio, também encontrado no descafeinado, melhora a síndrome pré-menstrual, a hipertensão e é um elemento essencial para a formação de ossos e dentes.

    Não podemos esquecer igualmente do potássio, que mantém a pressão arterial estável e ajuda a prevenir doenças do coração.

    O magnésio, em pequenas doses, proporciona equilíbrio corporal. E, por fim, temos o ferro e o fósforo. O primeiro auxilia na renovação de células sanguíneas e no funcionamento do sistema sanguíneo. Já o fósforo melhora a memória.

    Para cérebro, a bebida é uma forte aliada para tratar problemas nervosos, assim como ansiedade e insônia.

    Pode ser usada também para evitar o surgimento de doenças degenerativas, como o Alzheimer, Parkinson e outras mazelas que causam deficiência cognitiva.

    Além, é claro, de oferecer aquela sensação de prazer, principalmente para quem gosta realmente de café.

    Está vendo a quantidade de bons nutrientes que você vai ter acesso ao tomar café descafeinado? Quase não dá para acreditar.

    Faz mal para o estômago tomar café descafeinado?

    Para tudo na vida temos que pensar naquele ditado de mãe que diz: tudo que é em excesso, faz mal. E isso vale para o café, mesmo ele sendo descafeinado.

    Por mais que ele seja indicado para pessoas que têm úlcera, gastrite e refluxo gastroesofágico, ele ainda aumenta a acidez no estômago, o que facilita o retorno dos alimentos para o esôfago.

    Sendo assim, mesmo tendo apenas 0,1% de cafeína, ele precisa ser consumido com moderação, assim como tudo que colocamos para dentro do nosso corpo.

    Grávida pode beber café normal, descafeinado ou não pode nenhum?

    A resposta é sim, pode! A grávida está liberada para tomar tanto o café descafeinado tanto quanto o normal, já que a bebida não é contra indicada na gravidez. Porém, o consumo deve ser feito com responsabilidade e cuidado.

    Neste caso, a mãe deve consumir, no máximo, 200 mg de cafeína por dia, o que fica em torno de três xícaras de café expresso ou quatro de chá preto, diariamente.

    E mesmo a grávida optando pelo descafeinado, o cuidado deve ser o mesmo.

    Apesar do nível de cafeína ser menor, ele possui outros componentes, como acetato de etilo, benzeno, clorometano e dióxido de carbono líquido. Todos esses itens, quando consumido em excesso, podem ser prejudiciais à saúde.

    O mesmo cuidado deve ser mantido após o nascimento da criança, principalmente enquanto durar a amamentação, isso porque a cafeína pode passar para o leite e deixar o bebê agitado.

    Sendo assim, é bom evitar o café próximo da hora dele dormir. Por outro lado, se por algum motivo você quer deixar o bebê acordado, consumir café é uma boa opção, desde que seu médico pediatra o diga.

    E esse limite de dose diária vale não só para o café, mas também para todas as outras bebidas com cafeína, como chá preto, verde e branco, naturais ou industrializados; chocolate, cacau e refrigerantes.

    Para não ficar com nenhuma dúvida, o ideal é você falar com o seu médico.

    Até quanto posso beber por dia para ele não afetar minha saúde?

    O máximo recomendado de café descafeinado por dia é de até quatro xícaras. Essa é uma dose segura, que além de evitar doenças futuras, vai trazer para o seu corpo todas as vantagens que a bebida possui.

    Não tem problema se você passar da dose, uma vez ou outra, mas é claro que isso não pode acontecer sempre. Sabemos que em algumas ocasiões pede-se um número maior de xícaras, mas faça todo o possível pra ficar dentro do limite.

    Ingerindo com cautela, você poderá aproveitar todas as vantagens de uma deliciosa xícara de café descafeinado.

    E você, gosta de café ou toma só para se manter acordado? Já provou uma versão descafeinado?

    Referências:

    https://www.healthline.com/nutrition/decaf-coffee-good-or-bad#Health-benefits-of-decaf-coffee

    https://www.vox.com/the-goods/2019/3/7/18253668/decaf-coffee-caffeine-stigma

    https://www.medicalnewstoday.com/articles/325502

    https://www.wellandgood.com/is-decaf-coffee-bad-for-you/

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!
  • onde-comprar-cafe-soluvel-100%-arabica-comprar-produtos-manteiga-pilão
    Curiosidades

    Resenha / Review Completo do Café Aviação

    É bem provável que você já tenha ouvido falar da marca Aviação, mas atuando em outro nicho. O que, de fato, está correto.

    A empresa, criada em 1920, é conhecida no mercado pelas suas excelentes manteigas e outros produtos lácteos.

    Contudo, com o intuito de expandir sua atuação, desde 2014 a Aviação decidiu se aventurar no ramo de café, que logo tomou grandes proporções.

    Este é produzido em São Sebastião do Paraíso, na região Mogiana mineira, um local conhecido por ser o berço do café de muitas empresas que atuam nesse segmento.

    Mas não é só por isso que este local foi escolhido. Ali está uma das maiores bacias leiteiras do Brasil, além de ser um ponto de fácil acesso para a entrega dos produtos da marca.

    Desde então, o café Aviação tem sido produzido e distribuído em diferentes mercados, com opções para diversos paladares. Mas a pergunta que fica é: será que o café da Aviação é tão bom quanto a sua manteiga?

    Vamos descobrir isso logo abaixo!

    Café Aviação, o que é?

    O café Aviação é produzido pela Laticínios Aviação, que também produz manteiga, requeijão e doce de leite.

    A empresa decidiu participar do ramo do café há cerca de sete anos, e desde então este item pode ser encontrado em diversos comércios ao redor do país.

    Para quem está pensando em provar o produto da companhia, não vai se arrepender, são todos excelentes e nota-se que a empresa entrou de cabeça no ramo.

    Começando pelo quesito qualidade, as bebidas produzidas pela empresa são 100% Arábica. E dentre eles você pode optar pelo: torrado e moído superior, torrado e moído extra forte, solúvel e cappucino.

    Vamos falar mais sobre eles a seguir.

    Café Aviação Torrado e Moído Superior

    Esta opção, como o próprio nome já dá a entender, possui uma torra média, além de um blend 100% Arábica.

    Seu aroma é intenso e está disponível em uma embalagem de 500 gramas a vácuo, fazendo com que as peculiaridades do produto sejam conservadas até chegarem no consumidor final: você.

    Torrado e Moído Extra Forte

    Essa alternativa conta com opção de torra que vai do médio ao forte. Assim como o anterior, são usados grãos 100% Arábica.

    Este é ideal para quem não dispensa um café mais encorpado, com um sabor marcante e um aroma intenso.

    Solúvel

    O solúvel é um café liofilizado, que mantém o aroma e as qualidades dos outros já citados aqui, e com uma vantagem a mais: a praticidade no dia a dia.

    Afinal, só porque você quer algo prático não quer dizer que você não se importa com qualidade e sabor. Ele pode ser tomado puro ou misturado com leite.

    Cappuccino

    Além dos cafés puros, você também encontra o cappuccino. Essa bebida cremosa é feita a base de café solúvel, cacau em pó, canela e leite.

    Deu para perceber que o café Aviação veio para agradar diversos paladares, não é mesmo? Apesar disso, as opções ainda são um pouco escassas, então qual a vantagem de optar pelos cafés Aviação?

    Quais são as vantagens do Café Aviação?

    Como dito acima, mesmo que a linha tenha ainda poucas opções, a companhia não deixa a desejar por isso.

    O café extra forte, por exemplo. Ele é ideal para quem gosta de bebidas com uma torra mais escura, além disso, o item detém o selo ABIC Qualidade Superior.

    Já o superior é para aqueles amantes de café que apreciam um produto com equilíbrio. O solúvel é para quem não dispensa a praticidade, ainda mais pela manhã. Este também leva o selo da ABIC.

    Já o cappuccino é para aqueles dias que você quer sair da rotina e tomar algo um pouco diferente, mas com a mesma qualidade.

    Está vendo, só aí a Aviação consegue agradar um público bem grande.

    E claro, não podemos nos esquecer também do custo-benefício, que é ótimo. Principalmente para quem quer experimentar cafés mais requintados e muitas vezes não consegue devido ao alto custo.

    Bom, com estes produtos você não terá esse problema.

    Onde comprar?

    Como dito, você pode achar os cafés da Aviação em mercados espalhados pelo Brasil. Mas se não quiser sair de casa para fazer essa compra, recomendamos as compras online, na internet, mas precisamente os E-commerces.

    Com certeza você vai achar seu café Aviação em alguma gigante de Marketplace. A vantagem, além de não ter que sair de casa, são os preços.

    Aproveite o dia das mães que acabou de passar e o dia dos namorados que está próximo, ou mesmo outra data qualquer que para você consumidor seja importante, compre o seu com uma boa promoção.

    Além disso, muitas dessas empresas digitais contam com vantagens para assinantes, como frete grátis.

    Só não esqueça de conferir os reviews de compra e saber se o site é confiável, caso o portal onde irá comprar não seja de uma empresa conhecida. Apesar do trabalho ser um pouco maior, isso garante que você não caia em golpes e perca seu dinheiro.

    Afinal de contas, o Café Aviação tem uma nota boa, é bom mesmo?

    Com certeza os produtos da Aviação são ótimos, os cafés então, não ficam pra trás, basta você observar todos os pontos comentados aqui.

    Para começo de conversa, é uma marca que oferece um produto de qualidade para os mais variados paladares

    A Aviação oferece alternativas para quem procura algo feito com excelentes ingredientes e, em alguns casos, sem esquecer da praticidade, que é muito importante no dia a dia.

    Além do fato que a empresa só trabalha com blend 100% Arábica, o que já agrega grande qualidade ao produto.

    Tudo isso com um valor super acessível, que cabe em qualquer bolso.

    Com todos esses pontos, fica claro que as bebidas da empresa Aviação possuem notas excelentes.

    E mesmo com tudo isso que dissemos, se você ainda não está convencido da qualidade dos cafés da Aviação, isso é fácil de resolver!

    Que tal comprar uma – ou todas – das opções e provar você mesmo? Além de poder comprovar tudo o que falamos aqui, é a sua chance de experimentar algo novo.

    Seja como for, de uma coisa você pode ter certeza: você estará adquirindo um produto com excelentes atributos, de uma empresa que já tem renome no mercado. Isso, por si só, já diz muita coisa.

    Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!