café-salário-curso-profissão-significado-dolce-gusto-barman-itens-também-pesquisados

Barista: O que É, O que Faz e Quanto Ganha o Profissional

Veja tudo sobre esta profissão e quais as suas habilidades necessárias

O que é ser um barista?

Profissional responsável pelo menu relacionado ao café em lanchonetes, padarias, bares e restaurantes, o qual vai desde o simples espresso ao mais elaborado café com creme, leite e outros complementos, passando pelos interessantes e incrementados drinks.

O barista monta todo esse cardápio com variadas opções, muitas delas criações próprias.

Esse profissional desenvolve uma habilidade especial, direcionada a obter sempre o melhor dos grãos de café, e para isso é imprescindível que ele possua um amplo domínio no conhecimento da matéria – prima do seu trabalho e assim, poder utilizá-lo com excelência nas suas criações.

Ele precisa conhecer profundamente todas as características e diferenças entre todos os tipos de grãos, as etapas da produção: do plantio até a torrefação e moagem.

Assim, ele terá a sua disposição toda uma sólida bagagem de informações que o possibilitarão criar cada vez mais criativa e magnificamente.

Além de todo o conhecimento técnico e operacional das máquinas, o barista – assim como o chef de cozinha – precisa ter um paladar extremamente apurado para não cometer erros nas receitas.

A palavra barista tem origem na Itália, onde significa um “barman” que serve bebidas alcoólicas e não alcoólicas, incluindo café e bebidas para café expresso.

O termo italiano é neutro em termos de gênero quando é no singular. Em inglês, é neutro quanto ao gênero e quanto ao singular ou plural (baristas), mas em italiano, é específico quanto ao gênero e quanto ao plural, seja o “baristi” masculino, significa “barmen” ou “bartenders”, ou o “bariste” feminino, que significa “barmaids”. Nos Estados Unidos, este termo é limitado aos servidores de bebidas à base de café e não inclui aqueles que preparam e servem bebidas alcoólicas.

O que é preciso para praticar a profissão?

Algumas características pessoais são indispensáveis para quem deseja seguir essa profissão. Por exemplo, é necessário ter paciência e simpatia, pois estará sempre em contato com o cliente.

É indispensável ser apaixonado por café, já que seu dia-a-dia passará a estar pautado nesse produto.

Criatividade, então, será o requisito pessoal mais valioso, assim como o paladar bastante aguçado, o que aliás é fundamental em qualquer profissional que lide com o preparo de alimentos ou bebidas.

Sobre os cursos de Barista e tempo de duração

Para todas as demais qualidades, o futuro profissional poderá aprender no curso técnico destinado a desenvolver essa habilidade e propiciar os conhecimentos necessários.

Atualmente, existem uma ampla variedade de formatos diferenciados para o curso de barista. Há aqueles mais longos, de 3 meses e os mais rápidos de 48h. Existem ainda cursos presenciais e remotos. Enfim, há opções para todas as necessidades.

O preço oscila de R$800,00 a 1.400,00, a duração varia de acordo com a abrangência do seu conteúdo. Por exemplo, alguns cursos passam 10 horas discorrendo exclusivamente a respeito do processo da Torra. Outros, abrangem mais assuntos globais relacionados à profissão.

O estudante interessado em trabalhar na arte do café vai estudar tudo relacionado a essa matéria prima, desde as etapas da fabricação aos tipos de grãos.

Vai aprender a:

  • fazer a análise sensorial do produto;
  • operar as máquinas e utensílios;
  • utilizar a técnica da vaporização;
  • preparar cafés, lattes, cappuccinos e outras bebidas.

Alguns utensílios que o estudante aprenderá a manusear:

  • batedeira elétrica de leite,
  • cremeira,
  • moedor de grãos,
  • escova para limpeza,
  • filtros diversos,
  • cafeteira italiana, além de, claro, aprender a manusear com eficiência as diversas máquinas de café.

Uma coisa que deve ficar clara antes mesmo de dar o pontapé inicial na pesquisa ao curso que melhor se encaixa às suas necessidades é que o barista é um profissional multifuncional que faz várias coisas ao mesmo tempo.

Enquanto prepara um espresso na máquina, conversa com o cliente e verifica como está a vaporização do leite, dentre outras atividades. Então, é necessário muita disposição, energia e alegria para estar sempre com um sorriso nos lábios, porque a simpatia e um bom café sempre conquista mais clientes.

No Senac, por exemplo, o curso dura 48 horas e está disponível tanto na versão presencial como na versão remota. Esse é tido como o melhor curso em território nacional faz alguns anos.

Quais bebidas ele pode preparar?

Existem várias possibilidades de preparos de bebidas, drinks e coquetéis a base de café. Alguns deles são mundialmente famosos, outros podem vir a ser criações exclusivas do barista.

Alguns exemplos famosos de bebidas feitas por baristas:

  • Irish Coffee – talvez o drink mais famoso
  • 1 xícara de chá de café;
  • 3,5 colheres de sopa de uísque irlandês;
  • 50 g de açúcar mascavo;
  • Chantilly para o toque final.

Basta misturar o café, o açúcar e o uísque até dissolver completamente. O chantilly dá um toque de charme e vale jogar nele umas pitadas de grãos de café. O café deve estar obrigatoriamente quente e fresco no momento do preparo do drink

Está pronto. Sirva numa caneca rústica para incrementar o toque de autenticidade.

  • Caipirinha de Café
  • uma xícara pequena, do tipo cafezinho, de cachaça;
  • A mesma porção em café espresso, quente e fresco;
  • Limão em rodelas;
  • Açúcar a gosto;
  • Gelo.

Junte o limão e o açúcar numa coqueteleira. Em seguida, adicione a cachaça, o café e o gelo e misture novamente. Na hora de servir, incremente com raspas de limão e grãos de café.

Outros drinks mundialmente reconhecidos:

  • Coquetel de Café;
  • Café Cubano;
  • Espresso Martini;
  • Lady Winter;
  • Ever Coffee;
  • Diana Coffee;
  • além da brasileiríssima Batida de Café.

E os famosos cafés internacionais:

  • Capuccino (espresso + leite vaporizado + espuma de leite. Acima, pode-se pulverizar chocolate, canela ou açúcar);
  • Latte (café + leite vaporizado);
  • Mocaccino (com chocolate em calda no fundo da xícara + o capuccino + uma pitada de chantilly para encerrar);
  • Macchiato (café + espuma de leite), para citar alguns.

Qual é a média de salário e até onde pode chegar?

Um barista em início de carreira ganha cerca de R$1.200,00 e pode ser que a jornada inclua finais de semana.

É uma profissão com amplas possibilidades de local de trabalho, não somente bares e restaurantes. Há espaço para baristas nos centros de convenção, nos hotéis, nas salas vips de aeroportos, de shoppings, de museus.

É um campo ilimitado de possibilidades de crescimento, desde que o profissional se mostre interessado e motivado no crescimento próprio.

Na rede Starbucks, um barista começa como atendente, recebendo cerca de R$1.300,00 e pode chegar a Gerente de Filial, ganhando cerca de R$5.000,00.

É interessante observar que, sendo um produto tão antigo, o café conseguiu se reinventar ao longo dos séculos e nunca caiu na preferência geral da humanidade. Devemos isso às habilidades do barista, que transforma o ato de tomar um cafezinho numa arte.

Referências:

https://www.yourfreecareertest.com/barista/

https://www.indeed.com/career-advice/careers/what-does-a-barista-do

https://www.thespruceeats.com/what-is-a-barista-765030

https://www.thebalancecareers.com/barista-skills-for-resumes-applications-and-interviews-2062354

Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!