starbucks-jamaican-costco-mavis-bank-grao-beans-review
Curiosidades

Jamaica Blue Mountain Coffee é Bom Mesmo? Confira Nossa Resenha | Review

Ao se falar em melhores e diferentes tipos de cafés do mundo, é inevitável mencionar o café Jamaica Blue Mountain.
Ele é um tipo muito especial que se tornou muito procurado em todo o mundo. Mas o que de fato é esse café e o quão especial ele é?

O que é Blue Mountain Coffee?

Esse, é uma qualidade de café que é cultivo nas Montanhas Azuis na Jamaica, cerca de 5.500 metros mais alto que o nível do mar. O que o torna muito interessante, é a ausência de amargor e por conter um sabor muito suave.

Quem é adepto ao tradicional café amargo, certamente não apreciará essa versão, porém, a grande maioria acabou se apaixonando por ele.

É uma marca internacionalmente protegida?

O clima úmido e frio em um país tropical como a Jamaica, favorece o cultivo de grãos desse café que se tornou inclusive uma especifica categoria da bebida.

Por essa razão, a Jamaican Blue Montain avançou para além de uma simples marca. Ela formou uma certificação internacionalmente protegida, ou seja, somente grãos colhidos nessa região é passível de conseguir o selo.

Trata-se, no entanto, de um café famoso pelo seu sabor suavizado e sem amargor e que a maioria da sua safra é exportada para o Japão (cerca de 85%) e 5% são destinados a comercialização nos EUA.

Por que é tão caro?

O seu valor é diretamente influenciado pela oferta e pela demanda. É tudo uma questão de oferta e demanda.

A Jamaica conta com aproximadamente 12.000 hectares de terra que são dedicadas à produção desse café.

Porém, apenas cerca de 4 desses hectares se localizam na região oficial de Blue Mountain.

E, assim como grande parte dos cafés cultivados em altitudes mais elevadas, é possível colher cerejas no terreno íngreme de maneira manual.

Todavia, é preciso acrescentar esse detalhe ao fato das cerejas levarem 2 vezes mais tempo de amadurecimento do que outros tipos de café.

Mesmo que isso diminua toda a produção no ano, o crescimento e a maturação mais demorados é o garante a esse café mais suavidade e sabor.

No controle da qualidade, cada grão é escolhido de forma inteiramente manual. Por isso, o processo da produção é lento e por consequência o custo tende a elevar.

De fato, esse é considerado o melhor café que existe em todo o mundo, entretanto, o seu custo está em conformidade a isso.

Vale lembrar ainda que outro fator que impulsiona o seu preço elevado é a exportação de quase toda produção para o Japão.

Além disso, os grãos fazem parte do popular licor do café Tia Maria.

Qual é o sabor?

Falamos que o sabor do café em questão é bem suave, mas como é exatamente essa experiência?

As fragrâncias de seus grãos bem como o aroma de sua cereja são especiais o suficiente para conquistar o paladar de qualquer indivíduo.

Ao degustar essa bebida, é possível notar ainda notas de flores e/ou de ervas. Perfeito não é, mas como ele é na boca?
Ao paladar nota-se uma bebida macia, refinada e com um corpo muito equilibrado, com florais e de nozes.

Isso então, preserva a sua acidez mais delicada e oferece notas mais achocolatadas e profundas.

Muitas pessoas descrevem esse café como uma bebida que contem sabores mais limpos e quase nada de amargura.

Por fim, a sua doçura bem cremosa coopera para uma experiência única e satisfação em cada xícara. É divino para qualquer momento do dia!

Como identificar o falso Blue Mountain Coffee?

Infelizmente, quando se trata de uma bebida de extrema qualidade e de custo mais alto, surgem falsificadores em todo o mundo.

Entretanto, se você deseja experimenta o verdadeiro café, atente-se para os seguintes detalhes:

  • Os grãos verdadeiros do café Jamaican Blue Mountain, virão sempre com o certificado de sua autenticidade;
  • O certificado deve estar em alguma parte da embalagem e é emitido pela Autoridade Reguladora de Commodities Agrícolas da Jamaica;
  • Em algumas embalagens, pode conter o emblema arredondado juntamente com um barril desenhado sobre o mapa da Jamaica. Além disso, contém as seguintes palavras – Jamaica Blue Mountain Coffee contornando toda a fronteira.

Vale ressaltar que, existem fabricantes que criam versões de blends, isto é, uma mistura dos grãos certificados e, por esse motivo, pode não ter o certificado em sua embalagem. Já que é uma mistura não é 100% feito com os grãos do Azul.

Quais são as melhores marcas de grãos?

Para lhe ajudar a escolher uma marca de qualidade, listamos abaixo as melhores. São elas:

1. Blue Mountain Peaberry Coffee

Peaberry é um casamento entre a verdadeira mãe natureza com dois grãos que estão entrelaçados para sempre em um natural abraço.

Ao se saborear esse café, você pode sentir uma leveza no sabor com notas da baunilha, do mel e que são capazes de deixar na boca um gosto mais adocicado e ainda na ponta da língua uma sensação formigante.

Seu valor médio é de R$226,19.

2. Jamaica Blue Mountain Coffee

A Green Coffee Traders é uma roupagem elegante e pequena que concede os grãos verdes e não torrados.

Essa versão é para quem gosta de participar desde o processo de torrefação indo até o coado para apreciar na xicara.

Se você deseja pular a etapa da torrefação, pode optar pela versão de torra média com um marrom mais profundo e bem agradável.
É um produto feito com grãos 100% Blue Mountain e de muita qualidade.

Cada pacote é vendido por aproximados R$196,47.

3. Jamaica Blue Mountain Blend – Volcanica Coffee

Essa é uma mistura e, por essa razão, o seu preço é consideravelmente menor. A Volcanica conta com especialistas que criaram tal blend para destacar todas as qualidades dos grãos das Montanhas Azuis.

Na realidade, essa é o único blend aprovado pela Jamaican Coffee Board! Ele contém 30% dos autênticos grãos da Blue Mountain.

Isso é um diferencial, pois a maioria dessas misturas possuem de 1% até 10% dos grãos autênticos. É uma quantia bem superior e tende a se rivalizar inclusive com os que são 100%.

Todos os selecionados grãos para a produção dessa mistura, são provenientes das pequenas fazendas e seu cultivo foi nas altitudes dos solos vulcânicos.

Essa versão, conta com notas do chocolate, laranja e limão. Todos os grãos são devidamente higienizados, processados e feitos com torra mediana.

Possui certificado Kosher e oferece grãos inteiros, espresso, drip e também de moagem Press French.

Seu valor de mercado fica em torno de R$139,54.

4. JBM from Bluemountaincoffee.com

Muitos regulamentos de Café JBM declaram que ele tem de ser lavrado, torrado e ainda embalado na região da Jamaica.
Entretanto, isso é uma inverdade. Isso porque, a Autoridade Reguladora das Commodities Agrícolas da Jamaica faz a exportação do café verde.

Contudo, para que o café JBM seja autêntico, ele precisa ser plantado, cuidado, colhido e também embalado na Jamaica, porém, a sua torrefação pode ser realizada em outro ambiente.

O site oferece alguns tipos de grãos, inteiros ou moídos, de temporadas especiais e até de algumas fazendas específicas. Vale a pena conferir cada versão.

Como fazer?

Indica-se a utilização de uma prensa tipo francesa e/ou um pour-over para fazer esse café.

Ambas as maneiras deixam os grãos sob uma certa imersão e garante a extração de todo o seu sabor.

Inicie pelos grãos inteiros que foram recentemente torrados e os triture com ajuda de um moedor de rebarbas de maneira instantânea antes de realizar a sua preparação.

Para preparar uma xícara perfeita de café, utilize sempre filtrada e fervida. Aguarde poucos segundos para que a mesma esfrie e não queime os grãos.

OBS: Jamais reaqueça um café que já está pronto! O frescor sem dúvida é tudo.

Onde comprar?

No Brasil encontrar esse produto em lojas físicas é certamente muito difícil. O melhor lugar, então, para se adquirir essa versão autentica é na própria ilha jamaicana.

Porém, isso é realmente muito complicado e nada prático. É possível, entretanto, comprar esse café em sites e e-commerce confiáveis.

Antes de finalizar a compra, pesquise sempre pela idoneidade da loja bem como todos os requisitos para saber se trata de uma versão autêntica e certificado do café.

Conclusão

Como já mencionamos, o Blue Mountain Jamaica é um dos melhores cafés existentes no mundo. Qualquer produto que esteja certificado por CIB com certeza é de uma qualidade indiscutível.

Precisamos enfatizar ainda mais que você precisa confirmar sempre se o café possui o selo da certificação. E ainda, que todo e qualquer café autentico possui um valor condizente com a sua qualidade.

Portanto, se o preço for muito atrativo, lembre-se que é preciso desconfiar em relação a sua veracidade e autenticidade. Se você busca por economia, pode optar pela opção de blends, mas nunca de se esqueça de conferir a presença do selo.

Se atentar a todos esses detalhes no momento da compra, com certeza pode tornar a sua experiência bem mais.
Para finalizar, se você é um verdadeiro amante e apreciador dessa bebida e ainda não teve a oportunidade de experimentar, não perca mais tempo.

Embora seja um café com custo alto, vale a pena o investimento e sentir novos prazeres e sensações numa xícara de café!

Referências:

https://www.whittard.co.uk/coffee/discover-coffee/beans/jamaica-blue-mountain-coffee-110866.html

https://coffeeaffection.com/best-jamaican-blue-mountain-coffee/

https://coffeehow.co/blue-mountain-coffee/

Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!