comprar – nespresso-cafeteira-prensa-francesa-maneiras-medida-quantos-gramas-de-cafe
Curiosidades

Café na Aeropress: O que É? Como Funciona? Qual é o Passo a Passo?

Apesar do nome lembrar qualquer outra coisa que não seja café, Aerospress é uma técnica que foi criada em 2005 para preparar uma das bebidas mais apreciadas no mundo, o café.

Pode parecer estranho e complicado a primeiro momento, afinal o formato de preparo é bem diferente do convencional que estamos habituados, mas a técnica já conquistou muitos e aqui no Brasil existe até um campeonato entre os baristas.

Nessa competição os baristas apresentam técnicas e receitas de preparos, com resultados diferentes utilizando a Aerospress para preparar a melhor bebida, que pode ter um sabor mais intenso, suave ou com acidez mais acentuada.

Em 2005 a técnica foi apresentada pela primeira vez em uma feira especializada em cafés, agradando ao publico e desde então ganhou espaço e se tornou muito popular ao ponto de ter seu próprio campeonato.

Ficou interessado em saber mais detalhes sobre essa técnica?

O que consiste?

Trata-se de um equipamento utilizado para fazer cafés pequenos, possui dois cilindros de plástico, conta com mais duas peças que se encaixam e assim formam um vácuo dentro da máquina.

Essa cafeteira lembra bastante a prensa francesa, porém não utiliza o pistão para prensar o pó de café, na Aeropress é a pressão do ar que fica na base do cilindro, responsável pela extração.

A máquina utiliza três técnicas diferentes para poder fazer o café, o processo acontece nessa ordem:

  • Infusão: o café é deixado de ‘molho’, pois fica em contato com a água por vários minutos.
  • Pressão: a pressão dor ar se dá pelo vácuo ao abaixar o cilindro, movimento que também é feito na máquina convencional de café expresso.
  • Filtragem: acontece como já sabemos, no coador de pano e/ou filtro de café.

O preparo da bebida utilizando essa técnica, se mostra prático, conveniente e rápido, talvez o que no começo possa parecer um desafio é se atentar ao tempo que o pó fica em contato com a água e a temperatura que deve ser adequada.
Ademais, a escolha de um café de boa qualidade vai fazer toda a diferença, se possível prefira grãos arábicos e moa a quantidade que deseja na hora que for preparar seu café.

Com toda certeza, você vai se surpreender com a qualidade de sabor e aroma preparando seu café desta forma, mas fique tranquilo pois não é obrigatório utilizar apenas o café arábica, outras variantes também ficam muito gostosos nessa técnica.

Como foi que surgiu?

Criada em 2005 por Alan Adler, inventor, engenheiro e professor aposentado pela Universidade de Stanford- EUA. Adler fundou sua empresa em 1984, criando e vendendo suas invenções vistas como revolucionárias.

Ele, ganhou espaço no Guiness Books, pelos artigos esportivos que inventou, são de 40 patentes que levam seu nome e a criação Aerobie Flying Ring, que aparece no Guiness.

Dedicando um bom tempo estudando métodos diferentes utilizados para preparar café, além de estudar as diferentes cafeteiras, ele desejava conseguir extrair café em quantidades menores, porém de uma forma mais rápida e prática, sem perder a qualidade da bebida e se possível, ter um resultado mais delicioso.

A fim de alcançar o que desejava, foi necessário reduzir o amargor do grão, reduzindo o tempo na hora de extrair a bebida. Nesse momento, ele percebeu que poderia usar a pressão do ar na máquina.

Em 2005, na feira de café que comentamos, a primeira máquina de café Aeropress foi apresentada, se tornando popular em todo o mundo.

Como fazer funcionar?

Não é tão complicado de se utilizar, com montagem e operação fáceis, tonam esse um grande atrativo e vantagem no uso diário.

Ela parece uma seringa bem grande, e funciona como se fosse uma. Possui um tubo externo, onde misturamos o pó de café e a água já quente, permanecendo em infusão alguns minutos.

No tubo encaixamos o pistão ou êmbolo, que será o responsável por formar o vácuo que pressiona o ar para baixo, extraindo o café. Colocamos uma tampa no pistão responsável por impedir o ar de escapar enquanto pressionamos o pistão a fim de extrair o café.

Já no tubo externo do equipamento colocamos o suporte de filtro, é uma peça em forma de círculo onde colocamos o filtro de papel que faz a tarefa de filtrar o café enquanto precisamos para que saia da cafeteira.

A cafeteira possui ainda uma colher medidora para auxiliar na medida do pó de café, um suporte para escaldar o filtro, um porta filtro e um revolvedor para que seja possível mexer o café enquanto ele está em infusão.

Com o café já moído, basta colocar a quantidade que deseja no tubo externo e preencher com a quantidade apropriada de água, mexa para misturar bem e deixe em infusão por 30 segundos.

Vai ser possível notar que uma camada de ar fica visível, no encaixe do tubo e pistão, quando abaixar o pistão esse ar é o responsável por pressionar o líquido a passar pelo filtro, e assim o café cai no recipiente final, a xícara.

Dica: recomendamos utilizar o timer do celular ou algum outro para que o tempo de infusão seja adequado e assim possa aproveitar melhor o seu café.

Como é feito o preparo nesse método?

A preparação do café na Aeropress é bem prático e fácil, além de ser um método que permite sua criatividade na busca de novos sabores.

Existem passos e padrões no método de preparo, mas a quantidade de pó de café, água, tempo, temperatura, tipo de moagem dos grãos e até mesmo a forma com que se mistura o café antes de extrai-lo, pode alterar os resultados da bebida no final, por isso fique atento a cada um deles.

Contudo, você precisa escaldar o tubo externo e o filtro de papel, eles recebem a água para o café, a escalação é uma forma de higienizar a cafeteira a fim de eliminar resíduos que podem prejudicar no preparo.

Na parte de fora do tubo externo, existem marcações que te ajudam a medir a quantidade de água que vai utilizar, cada marcação equivale a uma xícara de café de 50 ml.

Você deve escolher um recipiente ou xícara que tenha o tamanho adequado para receber o café durante sua extração, além de ser bem resistente para aguentar a pressão exercida pelo pistão.

Além dessas informações, você ainda pode escolher por dois métodos de preparo, o método tradicional inventado por Alan e o invertido, esse segundo é o preferido dos baristas.

Como é feito no modelo tradicional?

Aqui a cada 25g de pó de café consideremos 200 ml de água, com temperatura de 80 ºC. Você pode seguir o passo a passo para não errar esse método.

  • Insira o filtro de papel no suporte encaixe e rosqueie a peça no tubo;
  • Use a xícara escolhida como apoio e derrame o café no interior do tubo;
  • Adicione a água aos poucos, devagar, com movimentos circulares;
  • Aguarde de 10 a 30 segundos o processo de infusão;
  • Passado o tempo de infusão, dissolva o pó mexendo com movimentos suaves por cerca de 10 segundos;
  • Introduza o pistão de cima para baixo, e empurre o ar para que o café passe pelo filtro e caia na xícara, esse procedimento é feito devagar numa contagem de 1 a 25 segundo;
  • Faça a pressão no pistão sem movimentos bruscos, pois pode resultar na compactação do café, resultando em um tempo muito maior na extração. Assim que o café estiver na xícara, pare de pressionar pois deve ficar uma camada de ar na Aeropress para evitar que a bebida fique com sabor amargo.

Como é feito no modo invertido?

Sendo o método mais popular entre os baristas, basicamente esse método consiste em deixar a Aeropress de ponta cabeça e o pistão já encaixado, invertendo apenas no momento de fazer pressão para extrair o café.

  • Coloque o filtro de papel no suporte e escalde.
  • Com a Aeropress de cabeça para baixo, adicione a quantidade de café que deseja.
  • Depois adicione a quantidade de água na temperatura a sua escolha, e misture levemente, feche a máquina, e aguarde cerca de 1 min.
  • Use a xícara escolhida para apoiar o tubo externo, vire a aeropress e pressione o pistão devagar e com calma para extrair o café.

Quais são as vantagens do café feito na AeroPress?

Agora que você foi devidamente apresentado a essa técnica, é hora de saber quais as principais vantagens ao utilizar esse método.

O preparo é mais rápido, em pouco mais de 02 minutos é possível preparar uma excelente xícara de café, onde e quando você quiser. Se tornando um dos métodos mais versáteis de preparo.

É um equipamento fácil de manusear, limpar, transportar e guardar, pode ser usado de diversas maneiras.

Entenda que a qualidade do café depende da temperatura da água, velocidade na extração, quantidade de café utilizado para a quantidade de água, moagem dos grãos, influencia diretamente no resultado e sabor da bebida.
O café resulta em uma bebida, encorpada, marcante e muito saborosa, por ficar menos tempo em infusão.

Por sua praticidade, o método se tornou um dos queridinhos entre baritas de todo mundo.

Que tal dar uma chance e se apaixonar por essa forma de fazer café?

Referências:

https://www.pactcoffee.com/brew-guides/aeropress

https://europeancoffeetrip.com/make-coffee-with-aeropress/

https://ravecoffee.co.uk/pages/brewing-guide-aeropress

Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!