bialetti-indução-qual-a-moagem-de-6-xícaras-como usar-café-para-cafeteira-italiana-clube-especial-wolff

Café Moka: Como Usar a Cafeteira Para Fazer Uma Bebida Deliciosa!

No celular gire a tela para ver a tabela completa

PosiçãoCafeteira Moka em AlumínioPreçoOnde Comprar
13 xícarasR$34,90Ver
26 xícarasR$39,90 até R$79,80Ver
39 xícarasR$64,80 até R$79,80Ver
412 xícarasR$177,00Ver


PosiçãoCafeteira Moka em Aço InoxPreçoOnde Comprar
14 xícarasR$49,80Ver
26 xícarasR$64,90 até 69,00Ver
39 xícarasR$79,00 até 155,25Ver


Já ouviu falar desta cafeteira italiana, também conhecida como moka? Se você é um amante do café, com certeza já conhece ela, não é mesmo?

Apesar de não ser muito comum no Brasil, essa cafeteira é muito vista nas casas italianas. Muitos acreditam, inclusive, que foi ela quem popularizou o café expresso na Itália e no resto do mundo.

Falaremos mais sobre essa relíquia italiana, confira no texto.

Cafeteira Italiana de nome Moka, como ela funciona?

Se interessou e quer saber como fazer um delicioso café na moka? Vamos lá!

Essa cafeteira detém 2 compartimentos principais: o local onde é colocado a água, que fica na parte de baixo do item, e que também entra em contato direto com o fogo. E a parte de cima em formato octogonal, com um furo no meio. É para essa parte superior que o café sobe quando está pronto.

Na parte central da cafeteira fica um tubo de dois buracos na parte de cima. O café vai passar por esse tubo para chegar na divisória superior da moka. Isso acontece devido a pressão do vapor da água fervente, que está lá embaixo.

Isso quer dizer que, conforme a água vai esquentando, o vapor começa a subir, ele também força o líquido a subir e passar pelo pó de café. Bem interessante, não?

O café é colocado em um recipiente com vários furinhos, são estes que permitem a passagem da água.

Ainda na parte de cima da cafeteira, você encontra outra placa com diversos furos, mas estes funcionam como um tipo de filtro. Ou seja, ele deixa a água passar, mas sem levar o pó de café junto.

Parece meio complexo, mas nada que a prática não resolva.

Quais são os segredos para usar essa cafeteira Moka?

Agora vem a parte divertida: fazer café na moka.

O primeiro passo é: coloque a água na parte inferior da cafeteira, mas sempre respeitando o nível da válvula de segurança. Em seguida, encaixe o filtro em forma de funil.

No filtro, a parte que vai encaixada dentro da base da cafeteira, adicione o café. O ideal é usar um pó de moagem entre médio e/ou grosso. Pode encher essa parte, mas sem pressionar o solúvel para caber mais.

Quando você faz isso, você impede a passagem da água.

Agora, rosqueie a parte de cima, sempre girando no sentido horário. Quando for fazer esse processo, é importante você pingar um pouco de água gelada, isso impede que a bebida queime ao tocar as paredes de alumínio.

Coloque a cafeteira no fogo e aguarde até que o vapor force a água a subir, passando pelo funil onde está o café até chegar na parte superior da cafeteira italiana. Você vai saber identificar esse momento ao ouvir um ruído emitido por ela.

Assim que o café chegar na parte de cima, feche a tampa e desligue o fogo. É importante ficar atento a essa parte pois se você demorar muito, o café pode queimar.

Agora é só servir. E faça isso o mais rápido possível, pois a moka não é térmica!

Veja dicas para te ajudar na hora de preparar seu café

Não quer errar ao fazer seu café na moka? Bom, os pontos principais que você deve se atentar para que isso não aconteça é escolher um pó de qualidade e respeitar sempre as medidas da água.

Por exemplo, caso você coloque menos água do que o necessário, abaixo do nível indicado na válvula, a cafeteira não terá vapor suficiente para fazer a água subir.

É importante também respeitar a quantidade de café. Para a moka, a proporção ideal é 1 grama de pó para 16 ml de água. Para saber o número exato você precisa saber o tamanho da sua cafeteira, mas a maioria segue as medidas do café expresso, ou seja, 50 ml.

Sendo assim, se sua cafeteira faz 4 xícaras de café, 200ml, calcule 200÷16, que é igual a 12,5 gramas.

Conheça os erros mais comuns ao utilizá-la

Não se preocupe com os erros, eles são comuns até você pegar as “manhas” da cafeteira.

Se você já quer começar ciente de todas as dicas necessárias, a seguir listamos os errinhos mais comuns ao usar a moka:

  • Usar pó de café muito grosso ou fino demais – o pó muito grosso impede a passagem da água. Já o fino deixa a bebida aguada;
  • Não adicionar gotas geladas de água na parte de cima da cafeteira;
  • Não ficar atento à subida da água;
  • Deixar o fogo aceso até todo o café ir para a parte de cima – isso queima o pó.

Você seguindo essas dicas, logo estará fazendo deliciosos cafés na sua cafeteira e como dissemos mais acima, fique tranquilo se você errar algumas vezes, é completamente comum até aprender a usar a máquina corretamente.

E quanto ao café? Qual é o melhor para sua cafeteira moka?

Grande parte do sucesso da Moka reside na arte de escolher o tipo certo de café e a moagem perfeita.

A cafeteira Moka não é uma ciência exata, portanto você precisará passar por um processo de “descoberta”.

Comece com cafés já moídos (embalados em 250 gramas) e depois experimente a partir daí.

Independentemente da cafeteira Moka que você estiver usando, se você não usar o café mais apropriado para obter a moagem perfeita, seus esforços para produzir aquela xícara de café perfeita falharão!

Por esta razão, é necessário um moedor profissional para produzir uma textura fina. É por isso que muitas vezes é melhor confiar no café já moído com moedores de café profissionais.

Que tipo de moagem de café é melhor para utilizar?

A moagem de café é a parte complicada.

A regra geral para ter a moagem Moka correta é fazer uso de moagens relativamente finas (ligeiramente mais finas do que a usada por uma cafeteira), mas não muito finas. Ela deve ser ligeiramente mais grossa do que a usada para o expresso.

Se isso não ajudar, a melhor maneira de obter a moagem correta é através de tentativa e erro: comece grosso, e vá mais fino até que a textura e o sabor sejam adequados para você.

Se a sua bebida final for muito fraca/água, você obteve uma sub-extração.

Se a sua bebida final for muito amarga, você obteve uma sobre-extração.

Quanto custa a cafeteira moka?

Material em Alumínio

Segue o preço em função da quantidade de xícaras:

  • 3 xícaras: R$34,90;
  • 6 xícaras: R$39,90 até R$79,80;
  • 9 xícaras: R$64,80 até R$79,80;
  • 12 xícaras: R$177,00.

Material em Aço Inox

Segue o preço em função da quantidade de xícaras:

  • 4 xícaras: R$49,80;
  • 6 xícaras: R$64,90 até 69,00;
  • 9 xícaras: R$79,00 até 155,25.

Dá pra fazer espresso nessa Moka?

Lembra que comentamos lá no início do texto que provavelmente foi a moka que propagou o expresso para o mundo?

Isso porque ela usa o mesmo sistema para fazer um expresso, a alta pressão! É isso que faz a água quente passar pelo café.

Então, respondendo a pergunta do subtítulo: sim e não!

Pelo processo ser parecido com as cafeteiras que fazem expresso, ou seja, ela tem um nível de pressão (bar), o café feito na moka tem um gosto próximo do expresso.

Contudo, nenhuma máquina doméstica que vai ao fogo produz a pressão necessária para fazer um expresso. Desta forma, um café 100% expresso só pode ser feito em cafeteiras, preferencialmente aquelas que são específicas para esse tipo de preparo.

Mas nem por isso a moka deixa de fazer um café delicioso. Além do mais, é uma forma nova de você fazer essa bebida, então vale a pena o investimento. Em especial se você é um amante de cafés!

Não esqueça, além de seguir todas as dicas que demos aqui, para você aproveitar um verdadeiro café, com todas as características, sempre passe um café fresco. Nada de ficar reaquecendo a bebida.

E você, já ouviu falar ou já experimentou um café feito na cafeteira italiana Moka?

Referências:

https://bluebottlecoffee.com/preparation-guides/bialetti-moka-pot

https://specialcoffeeitaly.com/moka-coffee-vs-espresso-coffee-which-one-is-the-best-coffee/

https://essense.coffee/en/brewing-guides/moka/

Gostou? Por favor nos ajude: compartilhe!